China pode suspender importação de frango dos EUA a partir de hoje

Agronegócio

China pode suspender importação de frango dos EUA a partir de hoje

No primeiro quadrimestre de 2009, a China importou dos EUA pouco mais de 134 mil toneladas de carne de frango, volume que representou incremento de 8,5% sobre o mesmo período de 2008
Por:
214 acessos
Passando da retórica para a prática, o governo chinês pode suspender a partir desta quarta-feira, 1º de julho, a emissão de novos certificados para a importação de carne de frango dos EUA. A informação, conforme agências de notícias internacionais, partiu de James (Jim) Sumner, presidente do USAPEEC, a entidade dos exportadores avícolas dos EUA.

Os problemas entre China e EUA começaram no início deste ano, quando, ao aprovar o orçamento de 2009 e estabelecer o uso de verbas, o Congresso norte-americano vetou, expressamente, a utilização dessas aplicações na importação de carne de aves produzidas pela República Popular da China – um resquício dos tempos em que os dois países eram inimigos. Desde então a China, na atualidade o segundo maior importador de frangos dos EUA, vem protestando e chegou a recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC). Sem obter sucesso, aparentemente decidiu recorrer às vias de fato.

No primeiro quadrimestre de 2009, a China importou dos EUA pouco mais de 134 mil toneladas de carne de frango, volume que representou incremento de 8,5% sobre o mesmo período de 2008. A expansão, no caso, foi pequena, mas para os exportadores norte-americanos apresentou resultado melhor que o obtido com a Rússia, cujas importações do produto recuaram 26%.

Com esse desempenho, a participação do mercado chinês nas exportações de frango dos EUA se manteve estável (13% do total), enquanto a da Rússia recuou 10 pontos percentuais, de 30% para apenas 20% do total.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink