Cientistas desenvolvem "amendoim amazônico" transgênico

PESQUISA

Cientistas desenvolvem "amendoim amazônico" transgênico

O sacha inchi tem altos percentuais de óleos e proteínas saudáveis
Por: -Leonardo Gottems
320 acessos

Uma equipe de cientistas colombianos está trabalhando no desenvolvimento de uma variedade de amendoim amazônico, a sacha inchi, uma planta rica em ácidos graxos como o Ômega 3, 6 e 9. Segundo a organização sem fins lucrativos Agro-Bio, o grupo de pesquisa pertence à Universidade Eafit, de Medellín (noroeste), e é liderado pelo professor Diego Villanueva.

A intenção, explicou a entidade, é “produzir teores ainda maiores de ácidos graxos, fundamentais para os consumidores e para o setor de saúde”. Isso “fez com que parecesse promissor em programas de desenvolvimento social e rural e em uma ferramenta significativa de desenvolvimento econômico”, completou o pesquisador.

Segundo ele, outro ponto a favor da produção de sacha inchi transgênica é que é uma cultura prioritária para a substituição de cultivos ilícitos, uma das principais bandeiras do governo nacional da Colômbia. Nesse cenário, o pesquisador espera que o desenvolvimento esteja pronto em cerca de três anos, “significa estar na esquina em nível científico”.

O sacha inchi, conhecido como "amendoim dos Incas", tem altos percentuais de óleos e proteínas saudáveis que demonstraram ter benefícios no nível cardiovascular e no tratamento de doenças como artrite e diabetes.As principais fontes de ômega 3 são peixes como salmão e bacalhau. De acordo com a Agro-Bio, “as fontes desses componentes são produtos caros e acesso limitado para a população em geral, então o sacha inchi com esse tipo de melhoria facilitaria a produção e o acesso à população em geral”.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink