Condições climáticas favorecem avanço da colheita
CI
Imagem: Nadia Borges
DESENVOLVIMENTO

Condições climáticas favorecem avanço da colheita

Confira os destaques da semana nas lavouras que seguem em pleno desenvolvimento no país
Por: -Aline Merladete

Confira os destaques da semana nas lavouras que seguem em pleno desenvolvimento no país, realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab):

Trigo - 71,4% semeado. No RS, a elevada umidade no solo prejudicou o avanço da semeadura, que ocorreu apenas em áreas mais elevadas e de boa drenagem. As lavouras em emergência foram favorecidas pela umidade do solo, mas as plantas em desenvolvimento apresentaram crescimento lento. Em algumas regiões foi necessária a ressemeadura. No PR, o plantio está quase concluído, porém atrasado em relação à safra anterior. Na região Norte e Oeste, as lavouras estão mais adiantadas. Em SC, com a melhora das condições climáticas, foi possível evoluir com a semeadura. Há registros de granizo na região de Chapecó, sem perdas significativas. Em MG, a maior parte das lavouras está em fase de enchimento de grãos, com bom desenvolvimento. Em GO, a cultura irrigada segue em fase de maturação e em boas condições. As lavouras de sequeiro estão sendo colhidas, antecipadas em razão da falta de chuvas. Em MS, as lavouras se desenvolvem sob boas condições climáticas.

Milho 2ª Safra - 28,0% colhido. Em MT, o clima seco favoreceu o progresso da colheita em todo o estado. No PR, 72% das lavouras apresentam bom desenvolvimento. A colheita ainda é incipiente, devido ao aumento do ciclo causado pelo excesso de chuvas e baixas temperaturas. Em MS, foram encerrados os tratos culturais. A colheita começa a ganhar ritmo, à medida que as áreas atingem a umidade ideal dos grãos. Em GO, a maioria das lavouras está em maturação. A colheita avança no Sul devido ao risco de queimadas e de tombamento de plantas devido aos fortes ventos. No restante do estado as colheitas são pontuais. Em SP, a colheita evolui lentamente. No Sudoeste é possível verificar os danos causados pela cigarrinha. No TO, mesmo com a alta umidade dos grãos, a colheita evolui em todo o estado, exigindo maior custo com secagem. No Sul do MA, estão sendo observadas boas produtividades nas primeiras áreas colhidas.No PI, a maioria das lavouras se encontram em maturação, em boas condições.

Feijão 2ª Safra - No PR, a colheita encontra-se praticamente finalizada, chegando a 96% da área total. As chuvas mais intensas nesse final de ciclo reduziram o potencial produtivo de algumas lavouras, mas, no geral, o rendimento médio alcançado é considerado bom, acima da safra passada. Em MG, o avanço da colheita não foi tão expressivo nessa semana, mas se estima cerca de 71% da área total colhida. As lavouras no Noroeste, Triângulo e Alto Paranaíba tiveram seu ciclo finalizado. As áreas remanescentes estão concentradas no Sul do estado. A escassez hídrica em parte do ciclo refletiu em redução de potencial produtivo, mas as chuvas registradas no Centro- Oeste e no Sul foram benéficas às lavouras mais tardias. Na BA, seguem as operações de colheita do feijão-caupi. Apesar do clima seco favorecer o avanço da colheita, a falta de chuva reduziu o potencial produtivo. As lavouras de feijão- cores irrigadas seguem em desenvolvimento vegetativo, floração e formação de vagens, sob boas condições.

Algodão - 10,9% colhido. Em MT, condições climáticas foram favoráveis à continuidade da colheita, assim como para a abertura dos capulhos. Na BA, as lavouras irrigadas estão em fase de formação de maçãs. As de sequeiro seguem em fase de maturação e colheita favorecida pelas condições climáticas. No MA, foi iniciada a colheita. As demais lavouras estão em estágio de maturação. Em MS, as condições climáticas proporcionam condições para manutenção da qualidade das fibras, assim como para o desenvolvimento da cultura de segunda safra. Em GO, a colheita está finalizada em alguns municípios e deve avançar nos principais produtores em julho. Em MG, as condições climáticas são favoráveis à colheita que deve se intensificar no mês de julho. No PI, as condições climáticas possibilitaram o bom desenvolvimento da cultura e favorecem a colheita, que segue em ritmo normal.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.