Consumo de tomate é baixo no Brasil
CI
Agronegócio

Consumo de tomate é baixo no Brasil

Segundo especialistas, aquisição de hortaliças vem caindo nos últimos anos e faixa de renda tem grande impacto sobre a média
Por:
Embora o País seja reconhecido como um dos 10 maiores produtores de tomate de mesa no mundo, o brasileiro consome pouco deste fruto. A média anual per capita não ultrapassa 4,9 kg segundo a Pesquisa de Orçamento Familiar do IBGE, enquanto em alguns países da Europa chega a 40 kg.

O tema será discutido hoje (24), no 4º Seminário Nacional de Tomate de Mesa, realizado no Centro de Convenções da Universidade de Campinas (Unicamp). A palestra “Estratégias para alavancar o consumo de tomate de mesa no Brasil” acontece às 15 horas e será coordenada pelo diretor de Comunicação da Rede Hortifruti, Fábio Hertel.

Segundo o pesquisador Paulo César Tavares de Melo, coordenador técnico do evento, o consumo de hortaliças no geral é baixo no Brasil. Além disso, quanto menor a faixa de renda, mais baixo é o consumo. “As famílias com faixas de renda de até R$ 830,00 e até R$ 1.245,00 adquirem anualmente 3,1 kg e 4,3 kg. Nos domicílios com faixa superior a R$ 6.225,00, essa aquisição é de 8,2 kg”, conta Melo.

Além do poder aquisitivo, outro fator que contribui para o baixo consumo do tomate é a qualidade do tipo predominante hoje no mercado, pouco rico em sabor e aroma. Outro aspecto apontado por especialistas é o impacto das informações relacionadas ao uso de defensivos agrícolas na lavoura e seus riscos ao meio ambiente e à saúde do consumidor.

“Frequentemente, são divulgadas notícias na mídia taxando o tomate, que mostram maior contaminação por resíduo de agrotóxicos. Com isso, a aquisição e o consumo de hortaliças sofre grande impacto”, revela o pesquisador.
 
Serviço

4º Seminário Nacional de Tomate de Mesa
Data: 23 e 24 de abril de 2013
Local: Centro de Convenções da Universidade de Campinas (Rua Elis Regina, 131, Cidade Universitária, Campinas – SP)
Inscrições: (62) 3241-3939 ou (19) 3243-6472

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.