Criação de peixes é oportunidade na cadeia de proteína

Imagem: Marcel Oliveira

ESPECIAL

Criação de peixes é oportunidade na cadeia de proteína

Brasil já é o quarto maior produtor de tilápia do mundo
Por: -Eliza Maliszewski
1637 acessos

A tilápia é um peixe de água doce que vem conquistando o paladar dos brasileiros. Preço acessível e pouco espinho para o consumidor, somado a bom rendimento de filé, velocidade de crescimento e boa taxa de conversão para o piscicultor. As características levaram a espécie a responder por 57% do total de peixes de cultivo produzidos no Brasil no ano passado, de acordo com anuário da Peixe  BR. A produção foi de mais de 432 mil toneladas. O maior crescimento foi observado no Paraná, que é o líder nacional, com alta de 18,7% ou 154 mil toneladas. Em segundo lugar vem São Paulo seguido de Rondônia. Em nível mundial aparecem a frente do Brasil a China, Indonésia e Egito.

Potencial mundial

A piscicultura vem sendo oportunidade de negócios no exterior. É o segundo mais importante segmento das exportações de pescado do Brasil, representando US$ 12 milhões. Em 2019 as exportações cresceram 26%. A tilápia é o peixe mais exportado, com aumento de 19%. Francisco Medeiros, presidente da Associação Brasileira de Piscicultura (Peixe BR), acredita que há ainda mais potencial para colocar a atividade como uma commoditie internacional, mas que a atividade ainda barra em muita oferta. “O consumo anual por pessoa é de 3,5 kg. Por isso investimos em campanhas como a Coma Mais Peixe para trazer mais informações ao consumidor e alavancar a atividade”, destaca. A iniciativa já atingiu 10 milhões de pessoas.

Segurança e rastreabilidade

A tendência de produção é o sistema vertical: a empresa cria, termina, abate e vende para os supermercados. Nas fases iniciais tem funcionado a integração. Uma propriedade terceirizada recebe os alevinos e toda estrutura como alimentação e assistência técnica, recebendo por milheiro na venda. 

A família Nakata, de Fartura (SP), trabalha neste sistema. A fase de alevinos é feita com um parceiro, em integração, e depois a fase de terminação é em espaços demarcados no rio, com pagamento de arrendamento para a União. A qualidade e sanidade são asseguradas com vacinação e com critérios na indústria até a embalagem dos filés.

Confira no vídeo como são feitas todas as fases na piscicultura da família, as dificuldades e potencialidades do negócio:


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink