Dia de Campo de Mandioca acontece dia 24 de novembro em Porto Velho

Agronegócio

Dia de Campo de Mandioca acontece dia 24 de novembro em Porto Velho

Evento será no dia 24 de novembro
Por:
313 acessos

A mandioca, segunda cultura de maior importância para a agricultura familiar rondoniense, será tema de Dia de Campo realizado pela Embrapa Rondônia e parceiros, no dia 24 de novembro, a partir das 8h30. O evento acontecerá a 6,5 km da localidade de Nova Mutum Paraná – Porto Velho, sentido Acre, nas proximidades da Usina Jirau. A entrada é gratuita e as inscrições serão feitas no local.

O público-alvo são os agricultores familiares, técnicos da extensão rural, estudantes de ciências agrárias, agentes de fomento e empresários do setor e demais interessados em conhecer mais sobre a cultura da mandioca, raiz amplamente cultivada e consumida em todo o estado de Rondônia, de diferentes formas.

Os participantes poderão conhecer seis cultivares de mandioca que estão implantadas na área experimental da Embrapa, sendo três de mesa (regionalmente chamada de macaxeira) e três para produção de farinha (mandioca brava). O público também terá acesso ao sistema de produção, com destaque para as técnicas de propagação da cultura, controle de plantas daninhas, controle de pragas, beneficiamento e comercialização da produção.

O engenheiro agrônomo da Embrapa Rondônia e coordenador deste evento, Davi Oliveira, destaca que os participantes também poderão experimentar produtos. "Estarão disponíveis para degustação três variedades de mandioca de mesa para que conheçam o produto e seu potencial de consumo", afirma.

O Dia de Campo de Mandioca faz parte do Projeto Piloto de Uso da Faixa Deplecionável do reservatório da Usina Hidrelétrica Jirau e das Áreas de Terra Firme de seu Entorno, uma parceria entre Embrapa Rondônia e a ESBR. "Vale ressaltar que a importância deste evento ultrapassa as comunidades locais, haja vista que a mandioca é uma cultura presente em quase todas as pequenas propriedades rurais brasileiras, seja para consumo familiar, seja para fins comerciais", complementa Oliveira.

O evento conta com a parceria da Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE) Jirau, e o apoio da Associação do Reassentamento Rural Vida Nova, Ampliari Serviços em Meio Ambiente LTDA, Cooperativa de Produtores Rurais do Observatório Ambiental Jirau (COOPPROJIRAU), Secretaria Estadual de Agricultura, Emater-RO e Secretaria Municipal de Agricultura de Porto Velho.

Produção de mandioca no Brasil e em Rondônia

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cultura da mandioca ocupa uma área aproximada de 1,5 milhão de ha no Brasil, dos quais a região Norte responde por aproximadamente 480 mil hectares, ficando atrás apenas da região Nordeste. Contudo, em termos de produção, a região Norte ocupa a primeira posição com 7,8 milhões de toneladas, de uma produção nacional em torno de 23 milhões de toneladas. A região Sul é a que apresenta a maior produtividade média, cerca de 24 toneladas por hectare, em virtude, principalmente, pelo elevado nível tecnológico empregado nas lavouras do estado do Paraná. O estado com a maior produção é o Pará, com 4,7 milhões de toneladas. Rondônia ocupa a 11ª posição, com 574 mil toneladas de raízes produzidas. No âmbito estadual, destaque para o município de Machadinho d'Oeste, com a produção em torno de 120 mil toneladas, seguido de Porto Velho, com 66 mil toneladas.

 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink