Diretor presidente da Embrapa visita Unidade na Bahia
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,140 (0,73%)
| Dólar (compra) R$ 5,59 (-0,30%)


Agronegócio

Diretor presidente da Embrapa visita Unidade na Bahia

Pedro Arraes vai participar de uma homenagem a alguns dos primeiros empregados da Unidade
Por: -Marianna
724 acessos
A Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical (Cruz das Almas – BA), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, recebe nesta segunda-feira, 30 de agosto, a visita de Pedro Arraes, diretor presidente da instituição sediada em Brasília (DF).

Com pouco mais de um ano no cargo, Pedro Arraes vai participar de uma homenagem a alguns dos primeiros empregados da Unidade, que completou 35 anos em junho passado, e conhecer suas instalações.

Pedro Arraes também vai receber, das mãos do chefe geral Domingo Haroldo Reinhardt, o Relatório de Gestão 2009, que contém os principais resultados da Unidade no período.

Publicações

Além disso, serão apresentadas três publicações geradas recentemente pela Unidade. São elas: “Memórias Formosas: a trajetória de uma variedade de mandioca da seleção a avaliação de impacto”, editada pelos pesquisadores Clovis Oliveira de Almeida e Wania Maria Gonçalves Fukuda, “Fruticultura tropical - espécies regionais e exóticas”, cujos editores técnicos são os pesquisadores Janay Almeida dos Santos-Serejo, Jorge Luiz Loyola Dantas e Ygor da Silva Coelho e Clóvis Vaz Sampaio, professor da Universidade Estadual Santa Cruz (Uesc), e “Recomendações de calagem e adubação para abacaxi, acerola, banana, laranja, tangerina, lima ácida, mamão, mandioca, manga e maracujá”, que tem como editores técnicos Ana Lúcia Borges e Luciano da Silva Souza.

Atividades

Pesquisando abacaxi, acerola, banana, citros, manga, mamão, maracujá, mandioca e umbu-cajá, a Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical gerou, em 35 anos, diversas variedades de fruteiras e mandioca resistentes a pragas e doenças, contribuindo para aumentar a produtividade dos agricultores brasileiros.

É uma das Unidades da Embrapa mais envolvidas no atendimento a demandas internacionais, em especial dos países africanos. Nos últimos anos, seus pesquisadores desenvolveram diversas atividades na África, como assessoria técnica à fruticultura de Cabo Verde, assessoria no aproveitamento integral da mandioca em Gana e curso sobre melhoramento genético de mandioca em Angola.

As informações são da assessoria de imprensa da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink