Dólar cai para baixo de R$5,20
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,124 (0,34%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (-0,05%)

Imagem: Pixabay

ECONOMIA

Dólar cai para baixo de R$5,20

Às 12:43, o dólar recuava 2,87%, a 5,1885 reais na venda.
Por:
95 acessos

O dólar operava em queda acentuada contra o real nesta terça-feira, com a notícia da entrega da proposta da reforma tributária pelo governo brasileiro somando-se ao apetite por risco global devido às esperanças sobre uma vacina contra a Covid-19 e ao sucesso dos líderes da União Europeia (UE) em fechar um acordo sobre um fundo de recuperação econômica.

O real liderava os ganhos entre as principais moedas nesta sessão.

Na segunda-feira, foram publicados dados de testes clínicos encorajadores de três potenciais vacinas para a Covid-19, notícia que compensou, pelo menos momentaneamente, a alta de casos de coronavírus no mundo.

Além disso, líderes da UE chegaram a um acordo “histórico” sobre um plano de estímulo no valor de 750 bilhões de euros para suas economias afetadas pelo coronavírus nas primeiras horas desta terça-feira.

“A notícia do acordo está fazendo preço no mercado internacional e moedas emergentes estão ganhando frente ao dólar”, disse à Reuters Luciano Rostagno, estrategista-chefe do banco Mizuho. “Você tem um ambiente externo positivo, que vem também dessas potenciais vacinas.”

Peso mexicano, lira turca e rand sul-africano, alguns dos principais pares do real, operavam em alta contra a moeda norte-americana.

Mas o real se destacava, refletindo expectativas quanto ao envio pelo governo do presidente Jair Bolsonaro da proposta de reforma tributária. Está marcada para as 14h30 a entrega pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, do texto da reforma ao presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

“Há sinais de que a agenda de reformas pode ser retomada após a crise do coronavírus”, disse Luciano Rostagno, citando também clima político mais favorável em meio a sinais de conciliação do presidente Jair Bolsonaro com o Congresso.

Às 12:43, o dólar recuava 2,87%, a 5,1885 reais na venda.

Na mínima do dia, o dólar caiu 2,97% a 5,1835 reais, em torno de mínimas desde 24 de junho.

Na B3, o dólar futuro tinha queda de 2,82%, a 5,1895 reais.

O dólar à vista caiu 0,75% na sessão anterior, a 5,3419 reais na venda.

No mês, o dólar cai cerca de 4,7%, mas sobe 29,3% em 2020.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink