Emater/RS-Ascar inicia processo de certificação de ervateiras da Região Alto do Vale do Taquari


Agronegócio

Emater/RS-Ascar inicia processo de certificação de ervateiras da Região Alto do Vale do Taquari

Por:
275 acessos
A Emater/RS-Ascar realizou, durante a semana passada, o diagnóstico inicial sobre a situação de cinco ervateiras da Região Alta do Vale do Taquari, primeira fase do processo de certificação destas empresas. Participaram das visitas o coordenador do Núcleo de Certificação da Gerência de Classificação e Certificação da Emater/RS-Ascar, Marcelo Brandoli, o assistente técnico regional em Silvicultura, Álvaro Malmann, o supervisor do escritório regional de Lajeado, Paulo Rodrigues, e o técnico em agropecuária da Instituição em Ilópolis, Jurandir José Marques.


As normas e padrões de qualidade definidos para o Sistema de Certificação da Qualidade da Erva-mate envolvem, aproximadamente, 150 itens, que buscam garantir a adoção de práticas de produção corretas e a qualidade do produto final. A certificação envolve auditorias em diversas etapas da cadeia produtiva, iniciando-se com o cultivo nas propriedades, passando pela colheita, o transporte até a indústria, o beneficiamento da folha e o empacotamento do produto. Amostras de erva-mate são coletadas em diversas fases dos processos de produção e encaminhadas para realização de análises físico-químicas. As análises têm como objetivo monitorar a presença de resíduos de produtos químicos e de agentes físicos (impurezas e matérias estranhas) e biológicos (salmonelas e coliformes), garantindo alto padrão de qualidade, higiene e segurança alimentar.


As empresas que cumprem com os requisitos estabelecidos recebem um certificado de qualidade e o direito de estampar na embalagem de suas marcas o selo que identifica que aquele produto tem qualidade diferenciada. Esta é a garantia de que a erva-mate foi elaborada respeitando a legislação, os requisitos técnicos e as normas sanitárias vigentes. O consumidor pode identificar as marcas das empresas certificadas através do selo de qualidade estampado nas embalagens dos produtos.


O polo ervateiro da Região Alta do Vale do Taquari é composto por 11 municípios: Ilópolis, Arvorezinha, Doutor Ricardo, Anta Gorda, Putinga, Itapuca, Nova Alvorada, Relvado, Coqueiro Baixo, São José do Erval e Fontoura Xavier, com uma área cultivada de 24 mil hectares e 32 agroindústrias. Entre as cinco maiores ervateiras do Estado, três possuem certificação da Emater/RS-Ascar.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink