Expofeira de São Lourenço tem programação voltada para jovens rurais
CI
Agronegócio

Expofeira de São Lourenço tem programação voltada para jovens rurais

O evento está inserido na programação da 33ª Expofeira Agropecuária, que começou no dia 08 de setembro e encerra no próximo domingo (12)
Por: -Silvano

A Emater/RS–Ascar, Secretaria de Educação, Cultura e Desporto, Sindicato Rural e grupos do Pólo de Apoio a Educação a Distância – PAED - promovem o Seminário Juventude Rural e Sucessão na Agricultura Familiar, evento que está incluído na Frente Programática Rio Grande Jovem e tem por objetivo incentivar a reflexão e o debate sobre as perspectivas para a juventude rural e a sucessão na agricultura familiar no município de São Lourenço do Sul.

O evento está inserido na programação da 33ª Expofeira Agropecuária, que começou no dia 08 de setembro e encerra no próximo domingo (12). A feira acontece no Parque de Exposições do Sindicato Rural, onde acontecem também a 14ª Mostra da Indústria e Comércio, Exposição Morfológica de Cavalos Crioulos, 5º Coma Arroz, Exposição de Gado Leiteiro/Corte, Pôneis, Ovinos e Aves e Enduro Cross Festivo.

O Seminário proposto pelo projeto “Jovem Protagonista”, será no dia 11 de setembro, a partir das 9h, no Auditório da Escola Municipal Professora Marina Vargas. A programação inclui apresentações culturais e artísticas de jovens rurais e um painel com a professora da Ufgrs Rosane Pavanello, que abordará pesquisas e perspectivas no cenário rural, e com Vera Carvallho, assistente técnica da Emater/RS–Ascar, que falará sobre as ações do Rio Grande Jovem, e o prefeito José Sidney Nunes de Almeida, que abordará as políticas públicas e ações desenvolvidas no município sobre o tema. A expectativa é da presença de mais de 250 jovens.

O Projeto “Jovem Protagonista” é uma parceria da Emater/RS–Ascar com a Secretaria Municipal de Educação. A extensionista de bem-estar social do escritório municipal da Emater/RS-Ascar de São Lourenço do Sul, Karin Peglow, explica que um dos objetivos do projeto é trabalhar as perspectivas para os jovens na agricultura familiar. “O espaço rural não é apenas agrícola, é importante pensar na questão do jovem rural com atividades que podem ser desenvolvidas no meio rural mas não são necessariamente agrícolas”, disse Karin.

Os organizadores do Programa “Jovem Protagonista” esperam ampliar a reflexão e a discussão sobre a questão do jovem e, ao mesmo tempo, envolver instituições e organizações que possuem ligações com a agricultura familiar. A ideia é estruturar ações concretas em todas as dimensões, como por exemplo no âmbito da educação, geração de renda, vinculada à questão da comercialização e agregação de valor no espaço rural e também esporte lazer.

As informações são da assessoria de imprensa da Emater/RS-Ascar - Regional Pelotas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink