Expointer termina com receita de R$ 383 milhões
CI
Agronegócio

Expointer termina com receita de R$ 383 milhões

Balanço foi apresentado ontem e representa crescimento de 191% ante a edição passada
Por:

As vendas da 31ª Expointer somaram R$ 383.535.147,45, incremento de 191,22% ante os R$ 131.698.341,31 da edição passada. O montante reúne os pedidos de financiamento de máquinas e implementos agrícolas (R$ 370,37milhões), as vendas da agricultura familiar (R$ 602.615,45), do artesanato (R$ 1,911 milhão) e de animais (R$ 10.651.532,00). A comercialização de veículos chegou a R$ 30.425.437,00, não contabilizados no total.

Nas máquinas, os financiamentos chegaram a R$ 303.370.000,00 (Banrisul, BRDE, CaixaRS, Banco do Brasil, Sicredi e bancos de fábricas). As aquisições à vista resultaram em R$ 67 mil. A comercialização de máquinas teve acréscimo de 208,35%, creditado pelo presidente do Simers, Claudio Bier, às duas últimas safras. "Havia demanda reprimida."

Nos animais, o volume oficial é inferior ao número apurado pelo Correio do Povo com escritórios de remates, associações de raça e Farsul, de R$ 10.997.408,30 (a diferença pode ocorrer devido a vendas informais ou por defesas). A governadora Yeda Crusius ressalvou que o balanço apresentado é parcial até as 16h de ontem, com exceção da agricultura familiar, com dados até sábado. "É a maior Expointer da história. Superou as exposições de 2003 e 2004", afirmou.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.