Exportação de algodão é recorde
CI
Imagem: Pixabay
PLUMA

Exportação de algodão é recorde

Segundo a Conab, no mercado interno o panorama ainda é de incerteza
Por: -Eliza Maliszewski

As exportações de algodão tiveram um recorde no primeiro bimestre deste ano. As vendas externas superaram as 500 mil toneladas nos dois primeiros meses deste ano. Os dados foram divulgados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A quantidade exportada chega a ser 6% superior ao volume embarcado no mesmo período de 2020. Já a receita com as vendas ao exterior nestes dois primeiros meses totalizou US$ 802,76 milhões, aumento de 7%. Se comparado apenas o mês de fevereiro de 2021 com fevereiro de 2020, a elevação no faturamento chega a 40%.

Nesse cenário, tanto os EUA, quanto o Brasil, primeiro e segundo principais exportadores do mundo, respectivamente, apresentam forte desempenho das vendas externas. Com isso, as cotações do algodão seguem aquecidas e, no Brasil, atingem patamares nominais recordes. No Mato Grosso, em março, a arroba era cotada a 164,52 e na Bahia R$/@) 171,48.

Entre os motivos para este bom desempenho está o início da recuperação econômica mundial, principalmente da China. A tendência de demanda aquecida no mercado externo deve ser mantida ao longo do ano. “A estimativa é que o mundo importe na safra 2020/21 cerca de 25,5 milhões de toneladas, volume 12,8% superior ao período 2019/20. Com isso, as cotações do algodão seguem altas e, no Brasil, atingem patamares nominais recordes”, ressalta o gerente de Alimentos Básicos e Culturas Perenes da Conab, Bruno Nogueira.

Segundo a Conab, no mercado interno o panorama ainda é de incerteza. “As cotações devem se manter em patamares elevados e proporcionar boa rentabilidade em 2021 aos produtores. Fica a preocupação de como será o processo de repasse da alta dos custos para o consumidor final de têxteis no mercado interno, principalmente no cenário atual de agravamento da pandemia. Assim, o consumo doméstico de pluma poderá ser menor do que o esperado para o ano de 2021”, reforça o gerente.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink