Exportações de trigo paraguaio caem 42%
CI
Imagem: Marcel Oliveira
MUNDO

Exportações de trigo paraguaio caem 42%

“O relatório indica que foram exportadas 267.949 toneladas de cereais no final do sétimo mês do ano"
Por: -Leonardo Gottems

Os embarques de trigo paraguaio caíram 42,2% no final de julho, segundo relatório da Câmara de Comércio Exterior de Exportadores e Comerciantes de Cereais e Oleosas do Paraguai (Capeco). As informações foram divulgadas pela T&F Consultoria Agroeconômica. 

“O relatório indica que foram exportadas 267.949 toneladas de cereais no final do sétimo mês do ano, contra 464 mil toneladas embarcadas no período anterior. Isso representa cerca de 196.056 toneladas a menos do que foram exportadas no presente período. Sonia Tomassone, assessora de comércio exterior da Capeco,  comentou  que as exportações de trigo e milho são  afetadas  por  problemas na fronteira por controles rigorosos que atrasam significativamente o processo de atravessar mercadorias para o país vizinho”, comenta, citando o La Nación. 

Apesar disso, o Brasil continua sendo o principal destino do trigo doméstico, com participação de 99%, seguido pela Bolívia e Vietnã, que juntos têm 1% de destaque entre os destinos guaranis de cereais. “O ranking dos maiores exportadores de trigo é liderado pela TransAgro, com 12% de participação, assim como a empresa Agrofértil, com 12%. Em seguida, são Nativos com 11%, Coopasam com 8%, Unexpa com 5%, Cooperativa Pindó com 5%, ADM com 5%, Asepsa com 5%, Investimentos Agrícolas com 2% e outras operadoras respondem por 26%”, completa. 

Nos Estados Unidos, o trigo de primavera está 69%, contra 77% da média histórica. “O relatório de acompanhamento semanal das lavouras americanas registrou que a colheita está atrasada em 8 p.p,. em relação à média histórica, mas adiantada em 19 p.p, em relação à média do ano passado na mesma época”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink