Farol (PR) distribui sementes de pasto à produtores de leite

Agronegócio

Farol (PR) distribui sementes de pasto à produtores de leite

A prefeitura distribuiu sementes que serão utilizadas na recuperação dos pastos que servem de alimento ao rebanho leiteiro
Por: -Redação
8 acessos

A prefeitura de Farol (PR) distribuiu sementes de gramas, que serão utilizadas na recuperação dos pastos que servem de alimento ao rebanho bovino leiteiro nas comunidades rurais do município. O Programa Municipal Pró-Leite foi idealizado e desenvolvido na administração da prefeita Dina Cardoso (PMDB) e contém uma série de incentivos aos cadastrados.

A entrega foi efetuada pela prefeita e pelo técnico responsável do escritório local da Emater/PR, Renaldo Chagas, o "Carpinha". De acordo com o técnico agrícola, a atividade bovinocultura de leite no município de Farol tem sido uma das alternativas para o pequeno produtor viabilizar sua permanência no meio rural. "Com o advento da reforma da Legislação Sanitária, a crescente modernização do setor e a competitividade de mercado, os pequenos produtores de bovinocultura de leite, como um todo, vem sendo colocados à margem do processo, por não disporem das já conhecidas condições técnico-financeiras para realizar os devidos investimentos e adequações nesta atividade", salientou.

Dina Cardoso destacou que além da oferta de cursos técnicos profissionalizantes, o município também quer contribuir com a entrega de sementes de pastagem sem custo financeiro aos produtores de leite, para que os mesmos evoluam dentro da alternativa que buscaram para geração de renda na pequena propriedade. "Queremos ser parceiros", frisou a prefeita de Farol.

Carpinha explicou ainda que com o objetivo de atender a totalidade dos participantes do grupo, e aproveitamento das potencialidades e experiências existentes, serão desenvolvidas as seguintes ações: cursos de capacitação e profissionalização; excursões; reuniões técnicas e práticas – com trocas de experiências; projetos de aplicação de recursos para reforma e recuperação de pastagens e produção de volumosos; e para melhoramento genético do rebanho será disponibilizado o Programa de Inseminação Artificial (Programa PIA), que oferece um técnico agrícola, um engenheiro veterinário e doses de sêmen gratuitas para os pequenos e médios produtores de leite.

A prefeita Dina Cardoso, observou que dentre as principais propostas de ação, para o ano de 2007, a área da agricultura pretende auxiliar os pequenos e médios produtores de leite com a recuperação de pastagens beneficiando um total de 200 hectares; fornecimento de duas toneladas de calcário por hectares; fornecimento de 1.000quilos de adubo 8-30-20 por hectares; fornecimento de cinco horas máquinas de serviço por hectares, tendo o piqueteamento da pastagem por contrapartida do produtor.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink