Farsul sediará seminário do programa ABC
CI
Agronegócio

Farsul sediará seminário do programa ABC

Porto Alegre receberá no dia 14 de fevereiro, na sede da Farsul
Por:
Porto Alegre receberá no dia 14 de fevereiro, na sede da Farsul, o Seminário Regional Agricultura de Baixo Carbono para capacitar assistentes técnicos e agentes de crédito do RS, SC e PR, sobre as regras para obtenção de financiamento do Programa ABC do governo federal. O seminário é uma iniciativa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, CNA, em parceria com a Embaixada Britânica, Embrapa, Ministério da Agricultura e Banco do Brasil. Na última terça-feira, 31.01, em Brasília, na sede da CNA, foi lançado, no primeiro seminário do ciclo, o Guia de Financiamento da Agricultura de Baixo Carbono, cartilha que contém as regras e os itens financiáveis pelas linhas de crédito do Programa ABC. O material foi produzido com apoio do Ministério da Agricultura e Embrapa e realizado pela Embaixada Britânica para utilização nas capacitações sobre o Plano ABC nos estados brasileiros.

A ideia de realizar os seminários foi concebida a partir do resultado de um estudo encomendado pela CNA, que ouviu produtores rurais de várias partes do país e identificou os entraves que dificultam a contratação dos financiamentos de projetos sustentáveis. Os dados da pesquisa apontaram a falta de capacitação dos assistentes técnicos e agentes de crédito como o maior obstáculo na hora de obter os recursos do Programa ABC.

O valor disponível para a Safra 2011-2012 é de R$ 3,5 bilhões. O programa foi construído a partir dos compromissos de redução de emissões de gases do efeito estufa durante a COP-15 e como contribuição para a Política Nacional sobre Mudanças Climáticas.

O Presidente da Comissão de Meio Ambiente da CNA, Assuero Doca Veronez, afirmou que a CNA está engajada na questão da sustentabilidade. “Tivemos, no ano passado, a menor taxa de desmatamento dos últimos 23 anos.
 
Estamos quase atingindo a meta de reduzir em 80% as emissões de gases, desafio que foi proposto até 2020”. Para Veronez, o momento transforma um aparente problema ambiental em uma oportunidade. “Ao se adaptar, o produtor poderá ter, ainda, um acréscimo de renda”, completa.

O 2º seminário foi realizado em Belo Horizonte, no dia 02.02; o terceiro será na próxima semana, em Salvador.
Em Porto Alegre, está prevista presença de 60 técnicos dos 3 estados do sul. O Senar-RS junto com as unidades dos demais estados, será disseminador do programa no campo.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.