Gafanhotos desfolharam 30 hectares de mata
CI
Imagem: Rádio Querência
PRAGA

Gafanhotos desfolharam 30 hectares de mata

Os insetos estão na mata de uma reserva indígena e atacam árvores de Timbó
Por: -Eliza Maliszewski

Os gafanhotos que estão sobre quatro municípios do Noroeste do Rio Grande do Sul já causam grande desfolhamento na mata nativa da região. Fiscais agropecuários, que monitoram os insetos, sobrevoaram a área na última sexta-feira (4) e puderam verificar os danos.

“A estimativa é de 20 a 30 hectares de mata nativa com severos danos, inserida na Reserva Indígena Inhacorá. Notamos que os danos se concentram na mata contínua, não sendo observados em outros remanescentes devido à interrupção ocasionada pelas áreas de lavoura”, explica o fiscal estadual agropecuário, André Ebone.

As equipes em terra verificaram que também há alguma presença da praga em áreas agrícolas, porém com pouca mobilidade e poucos danos. No momento, o caso está sendo tratado como um surto da espécie, onde os mais jovens tendem a sair mais da mata nativa, mas não se deslocam para longe, ficando ao redor do seu habitat.

Com a chuva deste final de semana os insetos não avançaram. A umidade dificulta a mobilidade e causa doenças e fungos nos insetos que preferem calor e seca. As equipes seguem no local e pede que os produtores não façam o controle químico para não gerar desequilíbrio ambiental. A região é grande produtora de soja.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink