Gene aumenta rendimento do arroz em solo salgado

PESQUISA

Gene aumenta rendimento do arroz em solo salgado

A planta ainda fica maior e mais verde
Por: -Leonardo Gottems
314 acessos

Em um novo estudo publicado no The  Plant Cell , uma equipe de pesquisadores identificou um gene que limita as perdas de rendimento em plantas de arroz expostas ao estresse salino e decifrou o mecanismo subjacente. Espera-se que o aumento da temperatura global acelere o acúmulo de sal no solo, o que representa um ônus crescente para a produção agrícola. 

Nesse cenário, a equipe de cientistas liderada por Jian-Zhong Lin e Xuan-Ming Liu, da Universidade Hunan, em Changsha, na China, identificou recentemente um gene que contribui para a tolerância ao estresse salino no arroz. O gene, denominado STRK1 (citoplasma 1 citoplasmático semelhante ao receptor de tolerância ao sal) foi ativado sob condições de estresse salino. 

Os pesquisadores geraram dois conjuntos de plantas transgênicas, uma em que STRK1 foi expressa em níveis elevados, e outro em que a expressão foi significativamente reduzida. Em condições normais de crescimento, os dois conjuntos de plantas transgênicas pareciam normais. No entanto, quando desafiados com sal, as plantas transgênicas com alta expressão de STRK1 foram mais verdes e maiores que as plantas não-transgênicas. 

Em seguida, a equipe examinou o efeito da STRK1 no desempenho. "Notavelmente, a sobre-expressão de arroz STRK1 não apenas aumenta o crescimento, mas também limita significativamente a perda de rendimento de grãos em condições de estresse de sal", disse Jian-Zhong Lin. 

Essas descobertas interessantes aproximam a comunidade de pesquisadores do desenvolvimento de plantas de arroz que se desenvolvem em solos salgados. "A produtividade agrícola é cada vez mais ameaçada pela salinização de terras agrícolas irrigadas ... Nosso trabalho mostra que STRK1 é um gene candidato promissor para a proteção de rendimento em plantas de culturas expostas ao estresse salino", disse Liu Xuan-Ming. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink