Milho

Indicador do milho sobe quase 5% em sete dias

Clima seco e a possível queda na produtividade têm preocupado agentes de mercado consultados pelo Cepea
Por:
220 acessos

O clima seco e a possível queda na produtividade têm preocupado agentes de mercado consultados pelo Cepea, que acompanham de perto o desenvolvimento das lavouras de milho de segunda safra. Nesse cenário, produtores/vendedores têm postergado as negociações de novos lotes, e compradores que precisam se abastecer no curto prazo são obrigados a ceder.

Assim, os preços do milho continuam em elevação no mercado doméstico. Em Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa subiu 4,95% de 4 a 11 de maio, indo a R$ 42,43/sc de 60 kg na sexta-feira, 11.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink