Índices apresentados pelo Procon-SP merecem uma segunda avaliação
CI
Agronegócio

Índices apresentados pelo Procon-SP merecem uma segunda avaliação

AviSite observou, nos dois casos, que “não foi bem assim”
Por:
Nas matérias Procon-SP: em 2011 preço do frango no varejo recuou 1,36% e Procon-SP: preço do ovo no varejo paulistano aumentou 14,19% em 2011, ao referir-se às variações anuais de preço do frango abatido e do ovo – de, respectivamente, -1,36% e +14,19% conforme o Procon-SP – o AviSite observou, nos dois casos, que “não foi bem assim”. Pois vamos explicar o porquê da discordância.

O quadro abaixo reproduz os preços mensais do frango abatido e do ovo no mercado paulistano em 2010 e 2011, conforme gráfico divulgado pelo próprio Procon-SP e adaptado pelo AviSite.

Eles, por si só, não são suficientes para indicar efetivamente quanto foi gasto pelo consumidor com frangos e ovos em 2010 e 2011. Mas supondo que esse consumidor tenha adquirido mensalmente um quilo de frango e uma dúzia de ovos (é o que se faz normalmente nas estatísticas do gênero) eles indicam que em 2010 foram gastos R$42,76 com o frango e R$34,00 com o ovo, enquanto em 2011 esses valores subiram para, respectivamente, R$49,16 e R$38,15. Feitas as contas, o preço do frango aumentou 14,97% e o do ovo 12,21% - índices de variação que serão semelhantes se, em vez do gasto total, for considerada a média mensal dos 12 meses de um e outro ano.


O que fez o Procon-SP ao considerar que o preço do frango recuou no ano 1,36% e o do ovo aumentou 14,19%? Levou em conta, apenas e exclusivamente, os preços de dezembro de 2010 e 2011, deixando de considerar os preços e as variações dos 11 meses anteriores. Com isso as variações poderiam ter sido de +4,06% e de +3,78% se, por exemplo, o ano tivesse sido encerrado em novembro.


Esse equívoco – ressalte-se – não é exclusividade do Procon-SP. Ocorre também com instituições de maior relevância na economia brasileira. Infelizmente, acabam distorcendo alguns indicadores da inflação.







Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.