Infocafé de 23/05/19
CI
Infocafé

Infocafé de 23/05/19

A bolsa de N.Y. finalizou a quinta-feira em alta
Por:

A bolsa de N.Y. finalizou a quinta-feira em alta, a posição julho oscilou entre a mínima de -1,55 pontos e máxima de +2,25 fechando com +1,75 pts.

O dólar comercial fechou em alta de 0,18%, cotado a R$ 4,0470. Os investidores agiram com cautela hoje, à espera de novos sinais no cenário político e econômico, e o dólar operou com instabilidade, oscilando entre os campos positivo e negativo. No país, as atenções se voltaram para importantes votações que acontecem no Congresso e que servem como um indicador da força do governo junto aos parlamentares. No início da tarde, a Câmara aprovou a medida provisória que modifica a estrutura do governo e reduz o número de ministérios. O texto segue agora para o Senado. Por outro lado, a Câmara já havia decidido, na véspera, tirar o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) do ministro Sérgio Moro, da Justiça, o que representou uma derrota para o governo. O órgão deve voltar ao Ministério da Economia.

As exportações brasileiras de café em grão em maio, até o dia 19, com 12 dias úteis contabilizados, foram de 1.784.700 sacas de 60 quilos, com receita de US$ 215,9 milhões e um preço médio de US$ 121,00 por saca. Como comparação, em abril de 2019 as exportações brasileiras de café em grão totalizaram 2,684 milhões de sacas, e alcançaram 1,414 milhão de sacas em maio de 2018. A receita média diária obtida com as exportações de café em grão foi de US$ 15,812 milhões na terceira semana de maio (13 a 19). A média diária até agora no mês é de US$ 19,926 milhões, 11,8% maior no comparativo com a média diária de abril de 2019, que foi de US$ 17,829 milhões. Em relação a maio de 2018, quando a média diária dos embarques totais de café atingira US$ 11,896 milhões, a receita média de exportações de café de maio/2019 até agora é 67,5% maior, conforme os dados acumulados até o dia 19. As informações partem da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). Fonte Safras via CNC.

Na sexta-feira, 24 de maio, é celebrado o Dia Nacional do Café. É a época da colheita na maior parte das regiões produtoras do País. Por esse motivo, a Associação Brasileira da Indústria de Café - ABIC sugeriu este dia ao criar a data comemorativa em 2005. Já são 14 anos em que faz parte do Calendário Brasileiro de Eventos e o tema será a relação da bebida e seus benefícios com a saúde humana, em uma corrida de rua inédita, a Coffee Run. Reforçando a importância da atenção para com a saúde, a ABIC escolheu por uma degustação de cafés certificados de um modo diferente: em meio ao Jardim Botânico, em São Paulo, antes e após a corrida, uma experiência intensa e prazerosa, assim como o café! “A ideia da Coffee Run como comemoração do Dia Nacional do Café traz muito do que a ABIC reforça e busca informar aos coffeelovers sobre a importância de beber cafés certificados e de qualidade, que possam fornecer substâncias antioxidantes e benéficas à saúde como todo”, explica Ricardo Silveira, presidente da ABIC. A Coffee Run acontecerá no domingo seguinte ao Dia Nacional do Café, em 26 de maio, às 7h. Serão três percursos, Cappuccino Walk, de três quilômetros, a Expresso Run, de 5 quilômetros e a Black Run, de dez quilômetros. Esse foi um meio de atingir públicos distintos, de iniciantes a experientes. Em comum, todos têm a paixão pelo café e o gosto pelo esporte. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.