Leite pode ter preço mínimo
CI
Agronegócio

Leite pode ter preço mínimo

Por:

Segundo Pratini, ontem na abertura da Fenagro, medida depende do CMN.

O ministro da Agricultura, Pratini de Moraes garantiu ontem, durante a abertura oficial da 15ª Feira Nacional da Agricultura (Fenagro), em Salvador (BA), que até final do ano, quando encerra seu mandato, anuncia política de preço mínimo para o leite e couro. A medida dependerá depois de aprovação do Banco Central e do Conselho Monetário Nacional .

O presidente da Comissão de Agricultura, da Assembléia Legislativa, Frederico Antunes avalia a medida como fundamental para que os produtores possam ter um preço nivelador, garantindo cobertura do custo de produção. 'É um pleito antigo e urgente a ser implementado', disse. No caso do Rio Grande do Sul, o item consta do relatório da CPI do Leite que indicou ações para recuperar a renda no setor.

Pratini também conversou com o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Limousin (ABCL), Wilson Brochmann. No encontro, o proprietário da Agropecuária Maragogipe, de Camaquã - que participa há oito anos da exposição baiana - prestou contas dos seis convênios para o melhoramento genético da raça desenvolvidos em parceria com o Mapa e universidades, desde que Pratini assumiu o cargo. Três projetos ainda estão em andamento, sendo um deles o F1 Limousin, presente em 22 estados.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.