Mão de obra terceirizada avança no setor de agronegócio
CI
Imagem: Divulgação
AGRONEGÓCIO

Mão de obra terceirizada avança no setor de agronegócio

O modelo de contratação vem se destacando na colocação de profissionais com conhecimentos técnicos e especializados
Por:

A contratação de equipes e profissionais terceirizados vem ganhando força no campo com o desenvolvimento do mercado agropecuário nos últimos anos. O setor foi um dos mercados de maior crescimento da Gi BPO, unidade responsável pela terceirização de processos de negócios da multinacional de recursos humanos Gi Group, considerada uma das referências em projetos de terceirização de mão de obra. Entre janeiro de 2019 e primeiro trimestre de 2020, projetos de outsourcing de RH para empresas do segmento aumentaram 15%, impulsionando o faturamento da divisão. E para este ano, a expectativa de crescimento no mercado agro é de 25% em relação ao período anterior.

"O modelo de contratação terceirizada de pessoas está acontecendo em todas as áreas, do backoffice, gestão de estoque e implementos até maquinários e pesquisa e desenvolvimento, gestão de estoque", afirma Denivaldo Gomes, gerente da divisão de negócios da Gi BPO. Segundo o executivo, na Gi BPO a terceirização tem sido adotada para colocação de profissionais com conhecimentos técnicos e especializados, como engenheiros agrícolas, operadores de máquinas, analistas, cientista de dados, tratorista, operadores de empilhadeiras.

A demanda pela terceirização de mão de obra é reflexo do crescimento do setor agrícola, mesmo com a pandemia, e gerando mais emprego, e a dificuldade das empresas familiares de atrair e reter talentos. Recentes dados da Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP e Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, mostra que o PIB (produto interno bruto) do agronegócio brasileiro registrou um crescimento de 3,81% em 2019 em relação ao ano anterior mesmo em cenário de recessão econômica. Só no primeiro trimestre de 2020, o segmento gerou mais de 63 mil vagas permanentes, de acordo com os dados da Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia.

De acordo com Gomes, com a necessidade cada vez maior de profissionais, especialmente os mais especializados, a terceirização de serviço vem se tornando uma das alternativas para o empresário rural ganhar eficiência na produção e resolver os gargalos existentes que comprometem a sua competitividade, como por exemplo, a necessidade de especialização que as atividades do setor exigem, de redução de desperdício, melhoria na produtividade, inclusão de inovação nos processos de produção e operacional, de redução de custos operacionais.

"Apesar da terceirização ser uma realidade no setor agro, era vista com muito receio pelos agricultores e pecuaristas. Porém, com a aprovação da Lei da Terceirização (Lei nº 13429), em 2018, que regulamenta todas as atividades ligadas ao agronegócio, inclusive as atividades fim (aquela que gera lucro para empresa), os produtores rurais estão se sentindo mais seguros e amparados para adotar esse modelo de contratação", afirma Gomes.

O modelo de contratação terceirizada ganhou terreno devido às vantagens que oferece. Para o produtor rural traz a redução de custo já que não tem gastos com departamento de recursos humanos, a possibilidade de adotar a jornada intercalada e flexibilidade para ampliar a equipe conforme a necessidade e com amparo da trabalhista. E para o contratado há todas as garantias da lei trabalhista, como registro em carteira, hora extra remunerada e contribuições sociais.

A terceirização, de acordo com executivo, também cria estrutura de pessoas e know-how para as empresas ampliarem suas habilidades como condições para obter melhores parcerias com fornecedores fixos, obter maiores investimentos em aquisição de tecnologia e qualificação das equipes, aplicação mais eficiente dos recursos obtidos, expansão estruturada dos negócios e gestão focada na estratégia de negócio.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink