Mercado de biológicos na soja cresce 30%
CI
Imagem: Marcel Oliveira
BIOINSUMOS

Mercado de biológicos na soja cresce 30%

Aumento de vendas no ciclo 19/20 representou US$ 200 milhões
Por: -Eliza Maliszewski

Um levantamento feito na safra 19/20 contabiliza o bom desempenho da comercialização de bioinsumos. O crescimento foi de 30% em relação ao ciclo anterior, somando US$ 200 milhões em faturamento. Os dados são do estudo BIP Soja – Business Inteligence Panel, realizado anualmente pela consultoria Spark Inteligência Estratégica.

Foram entrevistadas 3,5 mil pessoas na fronteira agrícola da oleaginosa, entre os meses de janeiro e maio deste ano. Alguns segmentos registram crescimento superior a 70%. Destacam-se os produtos biológico para nematóides, com alta de 74% em duas safras, com aumento de área tratada o de 79%, somando 5,7 milhões de hectares. Cerca de 71% dos total das vendas foram produtos para controle de pragas e doenças. Nos inoculantes, usados para fixação de nitrogênio, a alta corresponde a 29%.
 
O uso total de defensivos biológicos na soja atingiu 21% da área cultivada, totalizando 11,6 milhões de hectares tratados. O aumento da demanda de bioinsumos se deu pelo manejo de resistência de pragas e doenças, prática que prevê o uso alternado de defensivos químicos e biológicos com diferentes modos de ação, com bons resultados no controle de ferrugem asiática, lagartas e percevejos.
 
 
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink