Mercado de milho retoma caminho de baixa

ANÁLISE

Mercado de milho retoma caminho de baixa

Compradores já se abasteceram o suficiente para repor o consumo do final de ano
Por: -Leonardo Gottems
454 acessos

A pesquisa diária do Cepea registrou nova queda nos preços médios do milho em Campinas (SP), principal praça de referência do país, desta vez de 0,34%, para R$ 37,75/saca. “Trata-se da terceira queda consecutiva, aumentando as perdas de janeiro para 1,56%”, aponta o analista da T&F Consultoria Agroeconômica Luiz Fernando Pacheco.

“A explicação para esta nova queda é a de que os compradores já se abasteceram o suficiente para repor o consumo das Festas de final de ano e para os próximos dias, voltando às pequenas compras da mão para a boca. Isto enfraqueceu os mercado de lotes em todo o país. Também colaborou para a queda nos preços o aumento da expectativa de produção da primeira safra de milho”, explica Pacheco.

De acordo com o especialista, nos portos, a queda do dólar não está ajudando nem aquelas tradings que estavam tentando completar os navios já programados.

FUNDAMENTOS

Ao contrário do que todos os agricultores esperavam, acrescenta a T&F, não houve quebra nenhuma da primeira safra de milho, muito ao contrário, houve aumento da expectativa de produção, segundo o 4º Levantamento da Safra de Grãos do Brasil, divulgado nesta quinta-feira pela Conab. No seu relatório de dezembro o órgão estatal tinha relatado expectativa de produção de 27,37 milhões de toneladas e, no relatório de hoje, de janeiro, aumentou a sua estimativa para 27,455 milhões de toneladas.

“Com isto, os compradores se sentiram um pouco mais aliviados, porque esperavam uma redução na produção, diante das notícias de falta de chuvas em alguns estados produtores. A estimativa para Segunda Safra (safrinha) foi mantida em 63,73 milhões de toneladas, 18,1% a mais do que a produção do ano passado”, conclui Pacheco.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink