MG: quilo do suíno vivo chega a R$ 5,60
CI
Suíno

MG: quilo do suíno vivo chega a R$ 5,60

Com novos aumentos, os preços do animal vivo superam os R$ 5 também em São Paulo, Goiás e Distrito Federal
Por:

Os preços do quilo do suíno vivo tiveram novo aumento na última semana, conforme os dados das associações estaduais. O maior valor é da bolsa de suínos mineira, onde o quilo do animal vivo chegou a R$ 5,60, em alta de 5,66%, aponta a Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg). Até a semana passada, a bolsa estava cotada a R$ 5,30.

Com os novos aumentos, os preços do suíno vivo superam os R$ 5 também em São Paulo, Goiás e Distrito Federal. Em Goias, o preço é o mesmo de Minas Gerais. No Distrito Federal, houve alta de 10,12%, com o quilo do suíno vivo passando de R$ 4,84 para R$ 5,33.

Em São Paulo, de acordo com os dados da Associação Paulista dos Criadores de Suínos (APCS), o animal estava sendo comercializado até o último dia 6 de junho por R$ 5,22. Agora, o preço chegou a R$ 5,44. Houve avanço de 4,21%.

Nos estados do Sul, os principais produtores de suínos do Brasil, os preços ainda não chegaram aos R$ 5, segundo a Associação Paranaense de Suinocultores (APS). O maior valor do suíno vivo é do Paraná, cotado a R$ 4,90. Até o dia 6 de junho, o preço era R$ 4,80, ou seja, ocorreu avanço de 2,08%.

Os preços no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina se aproximaram mais nos últimos dias. No território gaúcho, o suíno vivo chegou a R$ 4,87. É uma alta de 4,06% em relação aos R$ 4,68 de 6 de junho, conforme os dados da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul (Acsurs).

Já em Santa Catarina, o principal produtor dessa proteína, o quilo do animal vendido vivo chegou a R$ 4,86. Isso significa alta de 4,74% sobre o valor de R$ 4,64 verificado em 6 de junho. Os dados são da Associação Catarinense dos Criadores de Suínos (ACCS).

Leia mais sobre esse assunto em https://www.suinoculturaindustrial.com.br/imprensa/quilo-do-suino-vivo-chega-a-r-560-em-minas-gerais/20190617-104950-O776
© 2019. Todos direitos reservados a Gessulli Agribusiness. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.