Milho apresenta campo neutro na B3 novamente
CI
Imagem: Marcel Oliveira
VALORES

Milho apresenta campo neutro na B3 novamente

Em Chicago o milho recua, por início da colheita
Por: -Leonardo Gottems

Com recuo do dólar e perdas no mercado internacional, a B3 apresenta campo neutro para o milho novamente, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. “As primeiras notícias da safra nova começam a surgir no radar de traders e, em um momento em que a paridade de importação é acentuadamente importante para a cotação de milho brasileiro, chegando nas fábricas dos compradores a preços menores do que os pedidos pelos vendedores locais, percebe-se facilmente que há mais espaço para mais perdas”, comenta. 

“O mercado futuro desta segunda-feira trabalhou “de lado” e apresentou ganhos mínimos nos principais contratos, onde a influência do dólar e de um mercado físico bastante lento deu o tom dos negócios. Nos fechamentos, setembro/21 apresentou a cotação de R$ 93,19 a saca (+1,13%); novembro/21 a R$ 93,34 (+0,90%); janeiro/22 a R$ 94,55 (+1,01%); março/22 a R$ 94,45 (+0,84%) e maio/22 a R$ 90,35 (+1,05%)”, completa. 

Em Chicago o milho recua, por início da colheita, enquanto a condição das lavouras piora 1 p.p. “O contrato de setembro fechou em queda de 0,75% ou 3,75 cents/buhsel a $ 499,0; o contrato de julho que interessa às exportações brasileiras, fechou em queda menor, de 0,42% ou -2,25 cents/bushel a $ 528,75. As perdas desta segunda-feira anteciparam o início da safra e a consequente entrada da mercadoria nos Estados Unidos. Segundo analistas, os trabalhos já começaram cobrindo 5% da superfície. Boas perspectivas de produção e dúvidas em relação ao desempenho das exportações adicionam fatores baixistas”, indica. 

“O relatório sobre as condições da safra registrou que a soma das lavouras em condição excelente e boa recuou 1 p.p. para 58 p.p., contra 59 p.p. da semana anterior e 60 p.p. da mesma semana no ano passado. Isto poderá ser um fator de alta nesta terça-feira”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.