Milho internacional: preços continuam caindo
CI
Imagem: Divulgação
MERCADO

Milho internacional: preços continuam caindo

“No Brasil, pelo menos dois acordos foram concluídos"
Por: -Leonardo Gottems

De acordo com a TF Agroeconômica, os preços do milho continuam caindo cerca de 1 a 2 dólares/tonelada no mercado internacional. “Nos mercados internacionais, as ofertas para a primeira quinzena de janeiro subiram 2 c/bu para 137 c/bu sobre os futuros de março no Golfo dos EUA, mas com ofertas estáveis para o segundo semestre em 125 c/bu”, comenta.

“No Brasil, pelo menos dois acordos foram concluídos ontem à tarde em 83 c/bu sobre os futuros de dezembro de 2021 para embarque de outubro do próximo ano, e a 93 c/bu sobre o mesmo contrato de envio em novembro, com rumores de que pelo menos dois novos acordos foram concluídos. Isso elevou os valores a partir de julho de 2021, com julho ofertado em 98 c/bu em relação a julho de 2021 futuros contra nenhuma oferta clara, acima de 8 c/bu”, completa.

E na Argentina, as ofertas para a nova safra em março permaneceram estáveis em 118 c/bu em relação aos futuros de maio, com lances chegando a 110 c/bu sobre o mesmo contrato. “Na manhã de sexta-feira, o Major Feedmill Group (MFG) da Coreia do Sul comprou 68.000 t de milho pagando US$ 240,19/t, além de uma opção de descarga de 2 portas de US$ 1,25/t para a CJ International. A carga é para chegada na Coreia do Sul até 15 de maio”, indica.

“Ofertas para os portos do norte do Vietnã a US $ 251,9 /t para o carregamento abril-maio, com junho oferecido a US $ 240,60 /t para o sul, sem nenhuma atividade comercial relatada. Na Ucrânia, a atividade comercial permaneceu lenta com os valores FOB inalterados, mas mais demanda de compra vista no mercado de CPT com ofertas subindo até US $ 222/t. No total, as exportações de milho desde o início do ano de comercialização atingiram 6 milhões de t na semana, com 883 mil t embarcadas na última semana, segundo dados do governo”, conclui. 
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink