Milho internacional: preços só não caíram no Brasil
CI
Imagem: Divulgação
MERCADO

Milho internacional: preços só não caíram no Brasil

“Um raro comércio de safra velha foi relatado na tarde de terça-feira  no Brasil"
Por: -Leonardo Gottems

De acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica, os preços do milho no mercado internacional caíram, com exceção do Brasil. “Nos mercados à vista, as ofertas para embarque de  janeiro do Golfo foram ouvidas estáveis em 145 c/bu sobre o contrato de março para embarque na primeira metade do mês e com a última metade ofertas de dezembro ouvidas a 140 c/bu sobre o mesmo contrato”, comenta.

“Um raro comércio de safra velha foi relatado na tarde de terça-feira  no Brasil em 175 c/bu sobre os futuros de março para embarque em janeiro em Paranaguá. Com Santos, isso equivale a um valor de cerca de 177-178 c/bu, até 6-7 c/bu no dia. E para a nova safra, as ofertas no Brasil ficaram estáveis em 90 c/bu em relação aos futuros de julho para embarque de julho”, completa.

Na Argentina, entretanto, as ofertas para a  safra velha caíram de 3-4 c/bu até março, com ofertas na chave março subindo 3 c/bu para 118 c/bu sobre os futuros de maio com lances chegando em 8 c/bu abaixo disso. “Na Ásia, um negócio de milho foi relatado a US $ 264 /t CIF Vietnã com janela de carregamento entre dezembro e janeiro. As posições para embarque entre janeiro e fevereiro ainda devem ser cobertas, mas os importadores de milho do Vietnã ainda não estão prontos para pagar o preço, com milho oferecido em US $ 269-270/t CIF Vietnam”, informa.

“Finalmente, os  preços do milho ucraniano foram mais baixos na quarta-feira. As melhores ideias  de compra caíram para US $ 232 /t FOB HIPP para carregamento de dezembro, enquanto a oferta mais bem mostrada permaneceu em US $ 235 /t FOB HIPP. Além disso, ofertas de milho com documentos chineses foram ouvidas em torno de US $ 241/t FOB PIPP para dezembro-janeiro. Houve rumores de uma negociação em torno de US$ 233-US$ 234/t FOB HIPP para a primeira metade de dezembro, mas era impossível de confirmar, embora fontes notaram que a negociação poderia explicar por que as ofertas ouvidas no início da semana a US $ 233/t haviam desaparecido hoje”, conclui.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink