Milho internacional: Ucrânia pressiona preços

Imagem: Divulgação

MERCADO

Milho internacional: Ucrânia pressiona preços

"Nada concreto emergiu até agora'
Por: -Leonardo Gottems
210 acessos

Mercado de milho da Ucrânia e o aumento da demanda de etanol nos Estados Unidos acabaram impulsionando os preços do produto internacionalmente, segundo informações divulgadas pela T&F Consultoria Agroeconômica. No entanto, os rumores de interesse de compra da China não movimentaram o mercado físico no início da semana. 

“Foram ouvidos interesses para a nova safra da Ucrânia e a Cofco disse ter sondado sobre o milho do Golfo dos EUA. Nada concreto emergiu até agora, mas os futuros de milho estão amplamente estáveis após dois dias de perdas consecutivas. Hoje é quarta-feira, o que significa a divulgação dos dados do EIA dos EUA sobre a produção de etanol em outro instantâneo sobre a recuperação doméstica do país”, comenta a T&F. 

De acordo com a consultoria, os analistas estão prevendo uma retomada na produção e um corte nos estoques. “Uma queda no fornecimento de gasolina na semana passada estabeleceu algumas bandeiras de alerta, e um aumento na taxa de infecção por Covid nos EUA em muitos estados que usam de carros pesados poderia ver as coisas desacelerarem”, completa. 

No entanto, com as margens ainda parecendo boas, a consultoria acredita que é provável que a produção aumente, e, nesse sentido a chave será se os estoques começam a subir em paralelo. Por outro lado, as licenças de exportação da  Argentina não foram consideradas “espetaculares”, o mercado físico do Brasil está em grande parte estável e a Ásia  continua  bastante subjugada. “Amanhã trará o último leilão de milho da China e os dados de vendas líquidas dos EUA”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink