Milho segue caindo em todo o mundo
CI
Imagem: Leonardo Gottems
MERCADO

Milho segue caindo em todo o mundo

Argentina mostrou alguns sinais de que os preços baixos recentes haviam atraído a demanda
Por: -Leonardo Gottems

De acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica, os preços do milho no mercado internacional estão caindo em todo o mundo. “Nos mercados à vista, o mercado de barcaças CIF dos EUA devolveu alguns dos ganhos acumulados na terça-feira, com abril caindo dois centavos com a queda das ofertas, enquanto maio caiu um centavo. Os dois meses foram avaliados em 77 centavos e 67 centavos em relação ao contrato de maio, respectivamente”, comenta. 

Na América do Sul, a Argentina mostrou alguns sinais de que os preços baixos recentes haviam atraído a demanda suficiente para o complexo Up River para firmar os preços. “Os carregadores de abril foram os que mais sofreram, com os lances subindo e as ofertas recuando enquanto o hub foi avaliado em 2 centavos com um prêmio de 40 centavos até maio”, completa. 

No  mercado  à  vista asiático,  os  futuros  do  milho  na Bolsa  de  Dalian  não  se  moveram,  com  o  contrato  de maio ainda em CNY2.718/t ($ 416,58/t). “A  atividade  de  comércio  de  milho  ficou  quieta  na Coreia do Sul, enquanto os fabricantes de ração do país continuaram a garantir os volumes de trigo para ração, já que os preços provaram ser mais competitivos. Ofertas para o Vietnã foram ouvidas no nível de US$ 300,50/t para carregamento em maio em uma base CIF Phu My e Cai Mep, no sul do Vietnã”, indica. 

Por fim, o mercado de milho ucraniano permaneceu tão  estagnado  quanto  o  infeliz  Ever  Given  estava  no Canal de Suez. “As ofertas ficaram em US$ 263- $ 264/t FOB HIPP para carregamento  em  abril  e  US$  260/t  FOB  Mykolaiv, quase inalterado nos níveis noturnos. Do  lado  da  compra,  a  melhor  ideia  de  lance  foi indicada em cerca de US$ 257- $ 258/t FOB HIPP para carregamento em abril”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink