Moinhos do RS estão recebendo
CI
Imagem: Marcel Oliveira
TRIGO

Moinhos do RS estão recebendo

“Os preços são altos para a época"
Por: -Leonardo Gottems

Os moinhos do estado do Rio Grande do Sul têm trigo até meados de novembro, mas estão recebendo paranaense e paulista, informou a TF Agroeconômica. “Os moinhos do Rio Grande do Sul aparentemente estão seguros quanto aos seus estoques até o mês de novembro, quando entra o forte da safra gaúcha. Mesmo assim, aproveitaram os bons preços dos últimos dois meses, antes das geadas, para garantir os primeiros lotes a serem entregues agora e que permanecerão na devida dormência até poderem ser utilizados ou mesclados”, comenta. 

“Os preços são altos, para a época, ao redor de R$ 1.200,00/t FOB, mais frete, contra um preço de R$ 1.000,00 que seria o adequado para dar rentabilidade aos moinhos, com base no preço atual das farinhas. O trigo paranaense, se comprado hoje, chega caro, a mais de R$1.400,00. O que está chegando foi comprado há mais de 30 dias atrás a preços bem menores”, completa. 

O mercado de trigo em Santa Catarina continua em compasse de espera e de espreita dos novos preços. “Por enquanto, para cobrir alguma necessidade, o trigo paranaense é o mais competitivo no estado de Santa Catarina, enquanto a produção local não é colhida, como mostra a tabela ao lado. Chegaria aos moinhos locais ao redor de R$ 1.205,00, não muito longe do valor que chega aos próprios moinhos paranaenses”, informa. 

No Paraná, os vendedores começam a se retrair, com os danos dos últimos dias e insistem em R$ 1.200/t FOB. “A briga de preços no estado continua sendo em quem paga o frete: os vendedores querem um mínimo de R$ 1.200,00 FOB e os compradores elevaram suas ofertas para R$ 1.200,00 CIF. Trigo travado mercado. Houve negócios a R$ 1.220/t. FOB no Norte PR, volume bem considerável. Teve negócios também a R$ 1.180/t no norte PR, com Falling mais fraco”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink