Monitoramento indica que nuvem está em direção ao Uruguai
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Senasa Argentina

NUVEM DE GAFANHOTOS

Monitoramento indica que nuvem está em direção ao Uruguai

Há previsão da passagem de uma frente fria que vai virar o vento
Por: -Aline Merladete
650 acessos

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) segue monitorando a nuvem de gafanhotos em movimento dentro do território argentino. Na segunda-feira (20) o Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar da Argentina (Senasa) informou que a nuvem se deslocou da província de Corrientes para Entre Rios e está a 100 quilômetros da fronteira com o Uruguai.
 
De acordo com o comunicado do Ministério da Agricultura, até o momento, seguem mantidas as previsões de que os insetos continuarão se movimentando rumo ao sul, sem previsão de ocorrência de um conjunto de alterações climáticas (temperatura x umidade x direção/velocidade dos ventos) que favoreça sua entrada no Brasil. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os ventos na região se manterão na direção Norte-Sul nos próximos dias, indicando uma provável direção da nuvem ao Uruguai.
 
A equipe técnica do Mapa em Brasília se mantém em alerta juntamente com as Superintendências Federais de Agricultura (SFAs) e os Órgãos Estaduais de Defesa Agropecuária em ambos os estados e em permanente contato com o Senasa para o monitoramento do deslocamento da nuvem de gafanhotos e a preparação de medidas de controle de forma tempestiva, se for necessário. 
 
A respeito da nova nuvem de gafanhotos formada no Paraguai, o Ministério segue também monitorando e atualizando diariamente as informações junto ao Serviço Nacional de Qualidade e Sanidade Vegetal e de Sementes do Paraguai (Senave).

O consultor do Agrotempo, Gabriel Rodrigues, ressalta que na posição que os gafanhotos foram avistados no dia 19/07, de acordo com o mapa do senasa https://geonode.senasa.gob.ar/maps/1806/view, o vento está do quadrante norte.

Esse vento soprando de norte pode "empurrar" a nuvem de gafanhotos mais ao sul e o vento continuará de quadrante norte até quinta feira na região. Para sexta feira, há previsão da passagem de uma frente fria que vai virar o vento, soprando do quadrante sul que pode empurrar mais ao norte. Vale ressaltar que essa frente fria vai trazer chuva, umidade e uma massa de ar mais frio e esses são fatores não favoráveis para os gafanhotos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink