Morte súbita dos citrus se alastra
CI
Agronegócio

Morte súbita dos citrus se alastra

Por:

A morte súbita dos citros (MSC), doença da laranja-doce enxertada sobre o limoeiro-cravo que mata rapidamente as plantas de variedades tardias se alastrou em um ano por 60 quilômetros pelos laranjais de municípios paulistas. O levantamento foi realizado pelo Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus).

A morte súbita foi detectada em fevereiro de 2001 pelos técnicos do Fundecitrus. A planta com MSC pode morrer em algumas semanas. Em 2002, a doença foi constatada em cinco municípios de São Paulo, onde cerca de 22 mil plantas foram infectadas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink