MS colheu apenas 2,8% da safrinha
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,126 (0,05%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (0,05%)

Imagem: Divulgação

PRODUÇÃO

MS colheu apenas 2,8% da safrinha

No mercado internacional, a Argentina está crescendo
Por: -Leonardo Gottems
580 acessos

Um relatório da Corretora Granos registrou que o estado do Mato Grosso do Sul atrasou significativamente a colheita do milho, grande parte da qual estava comercializada no estado e fora dele, provocando demandas extras pelos compradores. Nesse cenário, a colheita atual está apenas em 2,8%, contra 21% do ano passado. Sendo assim, a consultoria acredita que o estado deverá colher 11,02 milhões de toneladas do produto. 

Em relação ao mercado internacional, a terceira maior exportadora mundial de milho, Argentina, está crescendo. “Artigo das economistas Desiré Sigaudo e Emilce Terré, da Bolsa de Comércio de Rosário registra que desde o início da safra 19/20, o volume já embarcado de milho argentino é estimado em 16,3 milhões de toneladas, recorde histórico 11% superior ao acumulado na mesma data do ano passado", comenta. 

“Em junho, de acordo com os relatórios da NABSA, um total de 4,36 milhões de toneladas de milho seria enviado dos portos argentinos, um recorde histórico para este mês do ano. Com isso, apesar dos desafios da pandemia global e da descida histórica do rio Paraná, os embarques de grãos até hoje acumulam 16,3 milhões de toneladas na temporada”, completa. 

De acordo com as informações, o número está 11% acima do volume exportado entre março e junho de 2019, “temporada em que vale lembrar que a Argentina alcançou as maiores exportações de sua história até o momento, com 37,2 milhões de toneladas no total. Assim, mesmo com uma base de comparação muito alta, o desempenho da safra de exportação de milho parece muito promissor”, concluiu a T&F Consultoria Agroeconômica. 

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink