MT: Produtores não podem plantar até o dia 15 de setembro

Agronegócio

MT: Produtores não podem plantar até o dia 15 de setembro

Os produtores devem deixar a lavoura limpa, retirando toda a soja guaxa, garantindo assim bom índice de produtividade nos próximos plantios
Por:
594 acessos
Desde o último dia 15 até 15 de setembro, produtores rurais do Estado de Mato Grosso não podem plantar e nem manter planta viva de soja na lavoura. A medida, baseada na Normativa 001/2008 do Instituto de Defesa Agropecuária - INDEA/MT- visa a diminuir focos de ferrugem asiática, praga que assola as lavouras de todo o país. O vazio sanitário é obrigatório e quem não cumprir a determinação estará sujeito a multas.

Os produtores devem deixar a lavoura limpa, retirando toda a soja guaxa, garantindo assim bom índice de produtividade nos próximos plantios.

Já que, é no período de entressafra que a proliferação da ferrugem asiática é maior, porque o fungo (Phakopsora pachyrhizi), que causa a doença, terá ambiente propício para se manter vivo em função do clima e umidade do ar, ocasionando o efeito chamado de ponte verde, alertam especialistas no assunto.

Para eliminar a soja guaxa são usadas algumas ferramentas, podendo ser manuais ou químicas. A forma mais utilizada pelos produtores é o manejo do solo, feito a partir do plantio de outras culturas que irão proteger o solo, como o milheto, girassol e milho.

Segundo publicação da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso – Aprosoja - , o cumprimento do vazio sanitário trouxe redução de custos na lavoura, pela diminuição no uso de fungicidas.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink