Ourofino debate produção de cana-de-açúcar durante AgroEncontro
CI
Agronegócio

Ourofino debate produção de cana-de-açúcar durante AgroEncontro

Foram apresentadas novas tecnologias de produção agrícola
Por:
Dia de campo reuniu especialistas na Fazenda Experimental da empresa, em Guatapará (SP), e apresentou novas tecnologias de cultivo
 
A Ourofino Agrociência, unidade de defensivos agrícolas da Ourofino Agronegócio, realizou nos últimos dias 2 e 3 de abril o AgroEncontro – 1º Dia de Campo dos parceiros da Cana-de-açúcar. Criado com o objetivo de reunir profissionais do setor para apresentar novas tecnologias de produção agrícola, o evento passa agora a fazer parte do calendário oficial de atividades da companhia.

A primeira edição do AgroEncontro teve foco no cultivo de cana-de-açúcar. Cerca de 500 pessoas participaram, entre responsáveis por usinas e cooperativas, fornecedores de cana, gerentes agrícolas, administradores rurais, pesquisadores e consultores.

Com patrocínios da Syngenta e do Banco do Brasil, o evento reuniu ainda importantes empresas do setor canavieiro, como Canavialis, Instituto Agronômico de Campinas (IAC), Ridesa Brasil, Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) e Colorado John Deere. “Convidamos nossos parceiros para debater as variedades na área e o uso da tecnologia para produção agrícola”, afirma Jurandir Paccini, presidente da Ourofino Agrociência. Novas edições do AgroEncontro estão previstas abordando práticas em diferentes culturas.

Durante o evento, a Ourofino apresentou sua linha de produtos para a produtividade da cana-de-açúcar, como o DemolidorBR, FortalezaBR e CoronelBR, utilizados para ervas daninhas, e DiamanteBR e SingularBR, soluções para insetos. “O DiamanteBR combate as cigarrinhas-das-raízes (Mahanarva fimbriolata), uma das piores pragas que afetam a cana-de-açúcar e trazem prejuízo aos produtores. Já o SingularBR é um produto à base de Fipronil, o inseticida número 1 do mercado”, explica Antônio Nucci,  engenheiro agrônomo e gerente técnico da Ourofino Agrociência.

O AgroEncontro também marca uma nova fase para a Ourofino, já que foi a primeira oportunidade de a empresa abrir as portas de sua Fazenda Experimental, em Guatapará (SP), ao público. A unidade, recém-inaugurada, oferece capacitação profissional gratuita e reúne centros de pesquisas veterinária e agrícola, e criação de gado nelore de elite. “Em breve, pretendemos sediar novos eventos com foco no desenvolvimento do setor”, acrescenta Everton Molina Campos, gerente de marketing. 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink