Pecuaristas de AL poderão conhecer metodologia do Balde Cheio na Expoagro

Agronegócio

Pecuaristas de AL poderão conhecer metodologia do Balde Cheio na Expoagro

Desde sexta-feira (22-10), Maceió é sede de uma das maiores exposições agropecuárias de Alagoas, a 60ª Expoagro
Por:
664 acessos

Sistema permite aumento considerável na produção do leite e derivados, além de tornar atividade mais competitiva

Desde sexta-feira (22-10), Maceió é sede de uma das maiores exposições agropecuárias de Alagoas, a 60ª Expoagro, realizada no Parque da Pecuária. Entre as atrações está o maior evento da cadeia produtiva de leite e derivados de Alagoas, o Proleite, que em todas as edições promove atividades como seminários, palestras e cursos com foco no desenvolvimento da pecuária no estado.

O Proleite, que será realizado de quarta-feira (27-10) a sábado (30-10), é fruto de parceria entre o Sebrae e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e tem como objetivo promover a atualização dos produtores sobre os diversos assuntos do setor, a fim de fomentar a atuação dos pequenos negócios e o fortalecimento da atividade em Alagoas. Entre os temas abordados estão tecnologia, mercado, qualidade e tendências. Já os cursos terão foco em mercado, políticas públicas, produção rural e laticínios.

“A intenção é que primeiro os visitantes assistam às palestras e, se o tema interessar, se inscrevam nos cursos para entender de forma mais completa o assunto abordado”, explica o analista da Unidade de Territórios Específicos do Sebrae em Alagoas, Marcos Fontes.

Um dos destaques desta edição do Proleite é a palestra “Projeto Balde Cheio: uma filosofia para exploração da pecuária leiteira”, ministrada por Arthur Chinelato, pesquisador da Embrapa Pecuária Sudeste e fundador do projeto. A palestra será realizada na quinta-feira (28), às 11h. A entrada é franca.

“Muitos não sabem, mas a maioria dos produtores de leite trabalha no vermelho e, pela filosofia do Balde Cheio, essa realidade pode ser mudada, elevando a produtividade em mais de 20 vezes. É apresentando o projeto e seus benefícios que pretendemos atingir o maior número de pessoas”, diz Marcos Fontes.

Balde Cheio

Por meio de técnicas de intensificação para a produção leiteira, o projeto “Balde Cheio” tem como filosofia tornar a produção de leite uma atividade competitiva e lucrativa. As técnicas utilizadas para intensificar a produção pelo “Balde Cheio” são manejos simples, sem necessidade de grandes investimentos. Um exemplo das atividades desenvolvidas no projeto são os pastejos rotacionados, nos quais as áreas se dividem em piquetes, submetidos a períodos alternados de pastejo e descanso, silagem, método de conservação de forragem para alimentação de animais e cultivo intensivo de palma e feno.

O objetivo do projeto Balde Cheio consiste no aumento da produtividade, melhoria contínua na qualidade, além da inovação, pela diversificação da produção de derivados do leite. Para Marcos Fontes é de suma importância incentivar e elevar a produção leiteira alagoana. “Só para termos uma ideia, no período de lactação uma vaca produz leite por apenas 210 dias. Com os métodos do projeto, ela chega a produzir por até 305 dias”, informa.

Serviço:

Mais informações - (82) 4009-1724
Sebrae em Alagoas - (82) 4009-1660
Central de Relacionamento Sebrae - 0800 570 0800

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink