Porto de Paranaguá bate recorde no embarque de açúcar a granel
CI
Açúcar

Porto de Paranaguá bate recorde no embarque de açúcar a granel

A melhoria da infraestrutura e as modernizações implementadas pelos Portos do Paraná, em relação à manutenção da dragagem e ao cais de acostagem, possibilitou a atracação de navios de grande porte
Por:

O embarque de açúcar a granel pelo berço 204 leva o Porto de Paranaguá (PR), a uma movimentação recorde. Um único navio - o Caravos Glory, das Ilhas Marshall (Oceania) - levará uma carga de 58.175 toneladas para o Oriente Médio. A média dos carregamentos no local geralmente fica entre 40 e 45 mil toneladas.

"A eficiência dos Portos do Paraná em atender e dar condições técnicas e administrativas, aliada à produtividade dos operadores que movimentam por aqui, faz com que as metas sejam superadas", afirma o diretor-presidente do Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

Segundo o diretor de Operações dos Portos do Paraná, Luiz Teixeira da Silva Júnior, o que torna a operação ainda mais interessante é o fato de que para este embarque a carga foi recebida no terminal, em Paranaguá, 100% através do modal ferroviário.

Este ano, empresa já movimentou quase 518 mil toneladas pelo berço 204. Em 2018, foram em torno de 2,1 milhões de toneladas de açúcar. A empresa também opera grãos (soja, milho).

De acordo com a diretoria da Pasa, a melhoria da infraestrutura e as modernizações implementadas pelos Portos do Paraná, em relação à manutenção da dragagem e ao cais de acostagem, possibilitou a atracação de navios de grande porte. Aliado a isso, segundo nota da empresa, os Portos do Paraná têm oferecido uma estrutura administrativa muito eficiente que se reflete em operações como esta.

O Açúcar movimentado nesta operação é o produto bruto, denominado Very High Polarization (VHP). Com uma cor mais escura é matéria prima para a produção de açúcar refinado nos países de destino.

Em 2018, durante todo ano, foram movimentadas pelos Portos do Paraná cerca de 3,3 milhões de toneladas de açúcar.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.