Preço da soja segue lucrativo no RS, mesmo menor
CI
Imagem: Divulgação
COTAÇÕES

Preço da soja segue lucrativo no RS, mesmo menor 

Compradores do Paraná acabaram reduzindo os preços
Por: -Leonardo Gottems

Os preços da soja estão chegando na última semana de fevereiro menores do que terminaram janeiro no estado do Rio Grande do Sul, mas,  ainda  assim,  com  lucros acima de 100% para os agricultores, segundo informações divulgadas pela TF Agroeconômica. Os  preços  não  se  movimentaram  novamente  em  Ijuí, Cruz  Alta  e  em  Santa  Rosa,  devolvendo  a  alta  do  dia anterior. 

“Soja futura, porto de Rio Grande, voltou a subir 1,2% ou dois reais/saca o  que liquidaria no  interior algo ao redor de R$ 162,00/saca para maio de 2021. Há  muita  falta  de  matéria-prima  no  estado,  mas  os níveis de preços estão muito altos e  os consumidores de óleo e farelo já não aceitam novos aumentos”, comenta a consultoria. 

Com início da colheita no estado do Paraná, os compradores acabaram por reduzir bem os preços. “Na  Ferrovia,  em  Maringá,  que  recebe  soja  do  Mato Grosso do Sul e do Norte do Paraná, os preços também recuaram significativamente: para maio caíram para R$ 154,50, para junho R$ 156,50 e para julho R$ 157,50. No porto de  Paranaguá recuaram um real/saca: março 160,00,  abril R$ 163,40, maio R$ 164,40, junho R$ 165,20, Julho R$ 167,00”, completa. 

Em Minas Gerais, o foco é na colheita, mas os preços caíam mais 1,90%. “A  grande  preocupação  dos  agricultores  é  a  colheita, nesta época  do  ano, mas vale  a  pena  prestar  atenção, não nos preços, mas na lucratividade da soja. Com  os  preços  caindo  entre  1,27%  e  1,9%  os vendedores  estão  afastados,  embora  estejam  22% acima  dos  preços  de  dezembro  e  apresentando  lucros ao redor de 100% para os agricultores”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink