Preço de grãos sobe com alta do petróleo
CI
Agronegócio

Preço de grãos sobe com alta do petróleo

Os contratos de milho com vencimento em dezembro subiram 23,25 centavos de dólar, para US$ 5,7275 por bushel
Por:
A alta do petróleo e a desvalorização do dólar guiaram o humor dos investidores ontem e foram creditadas pelos analistas como os dois fatores principais para a alta das principais commodities agrícolas negociadas na bolsa de Chicago. A soja encerrou o dia com a alta máxima permitida para uma única sessão.


O petróleo valorizado reforça a demanda por combustíveis alternativos, como o etanol, que, nos Estados Unidos, tem o milho como base de produção. Com isso, os contratos de milho com vencimento em dezembro subiram 23,25 centavos de dólar, para US$ 5,7275 por bushel.

"O avanço do petróleo deu suporte à alta do milho e da soja hoje [ontem]", disse à Bloomberg Daisuke Yamaguchi, analista da corretora Yutaka Shoji, de Tóquio. Os contratos de soja com vencimento em novembro subiram em Chicago o limite de 70 centavos de dólar, para US$ 12,89 por bushel.


A queda do dólar, que desceu de seu maior patamar em seis meses, reforçou a perspectiva de aumento das exportações das commodities agrícolas produzidas nos EUA. Foi o cenário que mais teve influência na alta do preço do trigo, segundo analistas ouvidos pela Bloomberg.

O preço do trigo também subiu depois que a Home-Grown Cereals Authority informou que a colheita do cereal está atrasada no Reino Unido em função do mau tempo - a colheita já ocorreu em 2% da área até o momento, em comparação com os 50% nessa mesma época de 2007. Em Chicago, os contratos de trigo para dezembro subiram 35,50 centavos de dólar, para US$ 8,8475 por bushel. Em Kansas, os contratos que vencem também em dezembro subiram 30,75 cents, para US$ 9,1575 por bushel.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.