Produção de sorgo deve avançar nesta safra
CI
Imagem: Pixabay
GRÃOS

Produção de sorgo deve avançar nesta safra

Área deve se manter mas produção deve crescer 18,5% neste ciclo
Por: -Eliza Maliszewski

Para a safra total 2021/22, a estimativa é uma estabilidade de 864,7 mil hectares na área plantada de sorgo e de mais de 2,4 milhões de toneladas produzidas, 18,5% maior que o ciclo anterior. Os dados são projeção da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

No Maranhão, a cultura do sorgo é cultivada na região sul do estado, após a colheita da soja e do plantio de milho safrinha. A semeadura e estabelecimento das lavouras serão realizados entre o final de fevereiro e março de 2022. Até o momento, devido ao menor interesse de cultivo, a estimativa é de uma área total semeada permanecendo em 9,9 mil hectares, e com produtividade média de 2.272 kg/ha e um aumento de 2,3% na produção.

No Piauí, a lavoura de sorgo no estado é plantada como cultura de segunda safra, em sucessão à soja. O plantio ocorre entre o final de março e início de abril. Por ser uma cultura mais rústica e que apresenta menor exigência hídrica que o milho, alguns produtores optaram por investir nessa cultura. Informações coletadas junto a produtores sugerem a intenção de cultivo com essa cultura, mas ainda sem uma definição de área. A previsão é de um aumento de 36,1% na produtividade e na produção.

No Rio Grande do Norte, a cultura do sorgo com dupla aptidão vem se tornando uma das principais alternativas de alimentos volumosos para os rebanhos, sobretudo os bovinos, já que a maior parte da produção da planta vai para ração animal (forragem). Como o levantamento considera somente o sorgo granífero, estima-se na presente safra uma estabilidade de área de 600 hectares, e um crescimento de 31,2 na produtividade e de 40% na produção.

Na Bahia, espera-se a estabilidade da área cultivada. Quanto à produtividade, estima-seelevação frente à expectativa de bom regime hídrico, aumentando significativamente a produtividade no centro-sul e centro- norte, que sofreram com a falta de chuvas na safra passada. Nas demais localidades espera-se a manutenção da produtividade. A cultura do sorgo é cultivada como medida de enfrentamento à estiagem, visto sua tolerância a esta intempérie, servindo prioritariamente à ração animal, seja na forma de grãos em substituição ao milho ou em forma de volumoso com a trituração nas partes vegetativas da planta, oferecida de forma de silagem ou crua.

O cultivo ocorre no centro-sul, centro-norte e Vale do São Francisco no período da primeira safra e, no extremo-oeste, em sucessão à lavoura da soja em cultivo de segunda safra, ambos em regime de sequeiro, sendo encontrado pouco empreendimentos irrigados. Estima-se também um incremento de 2,8% na produção em relação ao ano anterior.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.