Produção nacional de milho deve alcançar novo recorde
CI
Imagem: Marcel Oliveira
ESTIMATIVA

Produção nacional de milho deve alcançar novo recorde

A estimativa para a produção de milho foi de 111,9 milhões de toneladas, aumento de 27,5% em relação a 2021.
Por: -Aline Merladete

A estimativa para a produção de milho foi de 111,9 milhões de toneladas, aumento de 27,5% em relação a 2021. Após uma forte queda na produção, em 2021, efeitos do atraso do plantio e da falta de chuvas nas principais Unidades da Federação produtoras, aguarda-se um ano dentro da normalidade, notadamente durante a época de 2ª safra, que é a principal e deve responder por 77,4% da produção brasileira. A produção nacional de milho deve alcançar novo recorde nacional.

Conforme levantamento publicado pelo IBGE nesta quinta-feira (12.05), para o milho 1ª safra, a estimativa é de uma produção de 25,3 milhões de toneladas, aumento de 2,7% em relação ao mês anterior e declínio de 1,4% em relação à safra de 2021, apesar do acréscimo de 7,2% na área a ser colhida, no comparativo anual, tendo o rendimento médio, apresentado uma redução de 7,9%. Embora as chuvas tenham chegado de forma antecipada na maior parte do País, iniciando o ano agrícola no tempo certo, a partir da segunda metade do ciclo da cultura faltaram chuvas na Região Sul, o que derrubou o potencial dessa safra.

Para o milho 2ª safra, a estimativa da produção é de 86,6 milhões de toneladas, declínio de 0,7% em relação ao mês anterior, contudo um aumento de 39,4% em relação a 2021, com crescimento de 6,4% na área plantada e de 8,4% na área a ser colhida.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.