Programa Soja Plus é referência mundial em gestão de propriedade rural
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,650 (0,00%)
| Dólar (compra) R$ 5,55 (0,74%)

Imagem: Nadia Borges

SUSTENTABILIDADE

Programa Soja Plus é referência mundial em gestão de propriedade rural

O programa soma cerca de 1.656 propriedades atendidas
Por:
1289 acessos

Desenvolvido desde 2010 pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), o Programa Soja Plus, que prevê a melhoria contínua das propriedades rurais, tornou-se referência em âmbitos nacional e internacional e é reconhecido como o mais eficiente programa de gestão de propriedade e gerenciador de riscos socioambientais.

Oferecido gratuitamente aos produtores rurais associados desde 2010, o programa soma cerca de 1.656 propriedades atendidas. Até o final do ano passado, foram realizados cerca de 230 cursos de Qualidade de Vida no Trabalho, com aproximadamente 3 mil pessoas capacitadas. O treinamento prepara produtores para atender as exigências legais de forma mais sustentável do ponto de vista econômico, social e ambiental.

Além destes cursos, também são realizados por meio do programa, oficinas trabalhistas e capacitações como NR 33-Espaço confinado, NR35-Trabalho em altura, pelos quais foram capacitados mais de 3.500 produtores rurais.

A produtora Daiana Costa Beber, do município de Nova Mutum, participa do programa e enaltece a iniciativa. “É muito interessante, faz um panorama geral da fazenda, da adequação ou inadequação sobre vários aspectos, inclusive sugere as alterações e traz material e conteúdo para fazer essa alteração de forma correta e de acordo com a legislação. Isso é fundamental para o produtor que recebe um relatório pelas mãos do supervisor de campo da Aprosoja. Isso faz com que o produtor tenha a noção real dos riscos que ele está sujeito. É gratuito e acredito que tem muito a agregar na produção e na constante situação empresarial do produtor”, ressaltou a produtora.

Conforme a gerente de Sustentabilidade da Aprosoja, Marlene Lima, para melhor atender ao produtor, o programa ganhou a versão online por meio do Curso Qualidade de Vida no Trabalho. “Ampliamos nossa plataforma e o curso, que é um dos requisitos para a fazenda se tornar Soja Plus, além do formato presencial, agora conta com a modalidade de Ensino à Distância (EaD). O produtor poderá fazê-lo por meio da internet, no conforto de seu lar, com a segurança devida a sua saúde, principalmente nesse momento de pandemia”, ponderou Marlene.

O curso Qualidade de Vida no Trabalho no formato EaD será realizado numa parceria com a FATEC SENAI-MT (Faculdade de Tecnologia Senai MT). “Pela qualificação serão levadas ao produtor diversas informações sobre legislação ambiental, trabalhista, previdenciária, e como adequar a infraestrutura da propriedade de acordo com as normas, como a NR 31, que impacta diretamente na propriedade rural. Este é o momento de se aperfeiçoar. Não perca esta oportunidade, produtor, participe!”, reforçou o convite.

As inscrições estão abertas e se enceram amanhã, sexta-feira (17.07), podem ser feitas preenchendo o formulário disponível no site da Aprosoja (www.aprosoja.com.br). A primeira turma começa em 20 de julho, cada turma terá disponibilidade de 85 vagas. Podem participar: produtores rurais, parentes de primeiro grau e representantes do produtor (funcionários de confiança).

O curso à distância terá 16 horas/aula divididas em quatro módulos que abordarão os seguintes assuntos: Introdução à base legal; Programas de Gestão na Propriedade Rural; Legislação Trabalhista e Previdenciária do trabalho Rural e Edificações Rurais (NR 31, NR 24 e NR 18).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink