Projeto-piloto pode dar sustentabilidade à cadeia do sisal na BA
CI
Agronegócio

Projeto-piloto pode dar sustentabilidade à cadeia do sisal na BA

O lançamento do censo e do protótipo da máquina deve ocorrer durante a ExpoCoité, em abril
Por:
Protótipos de máquinas de beneficiamento de sisal podem servir de modelo para o projeto-piloto, pensado para o município de Campo Formoso e Conceição do Coité, com a intenção de dar sustentabilidade à cadeia produtiva. Com esse objetivo, técnicos das secretarias de Agricultura (Seagri), Ciência e Tecnologia (Secti), e Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) vão realizar, ainda este mês, visita técnica às cidades de Conceição do Coité e Santa Luz, referências na produção da fibra natural.


A ideia foi discutida, nesta terça-feira (17), entre o secretário da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles; o diretor de agricultura da Seagri, Almeida Júnior; o coordenador do grupo sisal da Secti, Emerson Simões; o diretor de agricultura da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), João Bosco, e técnicos da EBDA e da Conab.


Para a elaboração do projeto, serão detectados todos os indicativos e necessidades das unidades de produção familiar, que irão servir como base para o censo, que identificará produção, produtividade e alternativas para a cultura sisalana. O orçamento e prazo serão apresentados após o pré-projeto ser finalizado. A previsão é que, em março, o documento seja aprovado. O lançamento do censo e do protótipo da máquina deve ocorrer durante a ExpoCoité, em abril.


De acordo com Almeida Júnior, três possibilidades de máquinas serão experimentadas e testadas para que seja possível o aproveitamento não só da fibra, mas da mucilagem e dos outros subprodutos do sisal. Uma das máquinas já está operando na fazenda Mandacaru, que pertence à Companhia Sisal do Brasil (Cosibra), localizada em Santa Luz. O equipamento faz o desfibramento e o batimento (beneficiamento), com produção média de cinco toneladas/dia de fibra.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.