Projeto vai estimular produção de alimentos na região Sudoeste do PR
CI
Agronegócio

Projeto vai estimular produção de alimentos na região Sudoeste do PR

A proposta, que está sendo divulgada pela Fetraf Sudoeste na região, disponibilizará linhas de investimento de até R$ 100 mil para cada agricultor adquirir equipamentos para avicultura, suinocultura, horticultura, pecuária e até pequenos tratores
Por:
O MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário) tornou oficial na semana passada o anúncio do programa Mais Alimentos, que injetará entre R$ 1 bilhão e R$ 3 bilhões em recursos para estimular a produção de alimentos no país. A proposta, que está sendo divulgada pela Fetraf Sudoeste na região, disponibilizará linhas de investimento de até R$ 100 mil para cada agricultor adquirir equipamentos para avicultura, suinocultura, horticultura, pecuária e até pequenos tratores. A agroindústria também está sendo beneficiada com o programa com possibilidade de estruturar atividade. A agricultura familiar terá preferência, desde que esteja atrelada à produção de alimentos.


As instituições credenciadas, como Emater, Cresol e Sindicatos já estão recebendo os cadastros para a elaboração dos projetos que buscam a captação dos recursos. Porém, os projetos podem ser feitos diretos nos bancos do governo. Os principais pontos atrativos do programa são o prazo para pagamento, que varia de três até dez anos, e os juros, que não ultrapassam a 3% ao ano. A variação depende do montante previsto no projeto e do prazo estipulado. Em virtude de o período coincidir com o início do plantio da safra de verão no Sudoeste, as instituições financeiras estão dando preferência para os projetos de custeio agrícola. A maioria das propostas do Mais Alimentos devem ser liberadas a partir de setembro.


Fetraf

O anúncio do programa Mais Alimentos foi feito pelo secretário nacional da agricultura familiar do MDA, Adoniram Peraci, na última quarta-feira, em Brasília, durante uma audiência com o coordenador da Fetraf-Sul (Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar), Altemir Tortelli. Na oportunidade também esteve presente o presidente da Cooperativa de Habitação dos Agricultores Familiares, Celso Ludwig.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.