Quase 350 produtores prestigiam evento em Nova Mutum e Tapurah
CI
Agronegócio

Quase 350 produtores prestigiam evento em Nova Mutum e Tapurah

O 8º Circuito Aprosoja retomou suas atividades nessa semana
O 8º Circuito Aprosoja retomou suas atividades nessa semana. Nos dois dias de evento em Nova Mutum e Tapurah, o público chegou a 350 produtores. O número surpreendeu os organizadores. "É importante trazer essas informações aos produtores de Tapurah. A inovação dos temas do Circuito Aprosoja neste ano chamou a atenção dos participantes e resultou em casa cheia", avaliou o presidente do Sindicato Rural de Tapurah, Silvésio de Oliveira.


O Circuito é o mais tradicional evento de planejamento de safra do país é realizado pela Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (Aprosoja) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) em parceria com os Sindicatos Rurais.

O evento foi realizado na noite de terça-feira (14.05) no Clube de Campo Canecão, em Tapurah e cerca de 140 produtores prestigiaram a atividade. Na abertura, o analista de Educação Profissional Rural do Senar-MT, Alis Firmino, que está acompanhando a equipe do Circuito, informou aos produtores quais treinamentos a instituição pode oferecer nas cadeias produtivas da soja e do milho.


Em Nova Mutum, o Circuito Aprosoja foi realizado na noite de segunda-feira (13.05) e o presidente do Sindicato Rural do município, Luiz Carlos Gonçalves, se surpreendeu como número de participantes. Foram 240 produtores rurais. "Ficamos felizes em ver quantas pessoas compareceram ao evento de planejamento de safra, respondendo ao nosso chamado. Todos estavam interessados nas informações de mercado", afirmou Gonçalves.

O conselheiro do Senar-MT, Alcindo Ugeri, foi um dos que participou do circuito em Nova Mutum e disse que a iniciativa de trazer o executivo chinês, Lin Tan, para passar aos produtores as intenções de compra da China é interessante porque "a economia mundial anda junto com a da China nos dias de hoje e temos que estar informados sobre esse país".


Ugeri afirmou acreditar que o Senar-MT tem um papel primordial na atividade dos produtores no campo. "Precisamos cada vez mais trazer conhecimento para o produtor e treinamento para os colaboradores, principalmente na área de operação de máquinas agrícolas", comentou. "O Senar tem cada dia mais responsabilidade de levar esse conhecimento aos trabalhadores do campo e, a meu ver, tem feito isso com muita competência", ressaltou.

Durante as palestras do Circuito os principais assuntos tratados pelo presidente da Aprosoja, Carlos Fávaro, foram logística, armazenamento e tendências de mercado. O evento ainda traz a oportunidade de conhecer mais sobre as safras chinesa, argentina e americana, com palestras do executivo chinês, Lin Tan; o consultor da Associação Argentina de Consórcios Regionais de Experimentos Agropecuários (AACREA), Alejandro Verjup, e o diretor executivo da Aprosoja, Marcelo Duarte, que faz apresentação sobre a produção agrícola norte-americana.


As próximas paradas da equipe do Circuito são: Lucas do Rio Verde (15/05), Vera (16/05), Sorriso (16/05) e Sinop (17/05).

(Fonte: ASCOM Senar-MT)
 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.