CONTRA A FOME

Quênia libera 140 novas sementes resistentes à seca

País espera reduzir fome e aumentar exportações para Europa
Por: -Leonardo Gottems
216 acessos

A agência inspetora de saúde vegetal do Quênia liberou 140 novas sementes que resistem à seca e de rápida maturação para o mercado local. A diretora da agência, Esther Kimani, afirmou que as novas variedades de sementes ajudarão a resolver o problema de insegurança alimentar no país africano.

“Essas variedades são tolerantes à seca e amadurecem precocemente e são superiores dos que as atualmente disponíveis no mercado”, afirmou a doutora Esther.

As variedades incluem cultivos como milho, feijão, girassol, sorgo e batatas, e ainda outras quatro que são tolerantes à necrose do milho.

Isso acontece num momento em que as exportações agrícolas do Quênia para a União Europeia devem aumentar em função da finalização da obra de um laboratório que certifica a qualidade dos alimentos. O complexo deve assegurar que fertilizantes, sementes, solos e água utilizados na produção são testados antes que os produtores façam uso produtivo deles. Uma das intenções do laboratório também é eliminar o medo dos consumidores em relação aos transgênicos.

Os testes do novo laboratório incluirão as novas sementes transgênicas liberadas pelo governo do Quênia. O contexto no qual o país africano fez a liberação é de reformas econômicas que tentam ajudar a aumentar a produtividade do setor agrícola.

“O governo seguirá com as reformas que beneficiarão o setor agrícola, especialmente nas áreas de processamento, valor agregado e fabricação, como a única forma de aumentar as nossas exportações de produtos terminados,” afirmou William Ruto, representante da agência inspetora de saúde vegetal do Quênia.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink