Raça Simental terá projeto de alto rendimento no Rio Grande do Sul

Agronegócio

Raça Simental terá projeto de alto rendimento no Rio Grande do Sul

O projeto prevê a doação de 10 mil doses de sêmem a produtores gaúchos visando disseminar a raça
Por:
1275 acessos
O Simental Jaguaretê, tradicional criatório no oeste paulista, escolheu o Rio Grande do Sul para desenvolver a Raça de Linhagem Sul Africana. A cabanha promove nesta quinta-feira (09-12), às 8h30, um Dia de Campo para apresentar os principais exemplares de seu plantel de 250 fêmeas puras na Fazenda Jaguaretê, em Eldorado do Sul.

O projeto prevê a doação de 10 mil doses de sêmem a produtores gaúchos visando disseminar a raça, além de um projeto de certificação da carne. “Temos interesse em trazer 100% da genética de origem sul-africana ao RS para melhorar a rentabilidade do pecuarista e promover o cruzamento industrial com outras raças”, destaca Luiz Antonio Queiroz, proprietário da cabanha.

A Raça Simental tem capacidade de reunir em um único animal alto rendimento na produção de carne e leite. O cruzamento com Nelore há 10 anos já resulta em 68% de rendimento de carcaça para machos e 66% para fêmeas, com abate aos 15 meses. “É uma raça com muita precocidade, com novilhos que aos 7 meses já atingem 220 quilos”, diz.

Dia de Campo Cabanha Jaguaretê

Dia: 9/12
Hora: a partir das 8h30min
Local: Cabanha Jaguaretê: BR 290, km 132,5 – Eldorado do Sul (41 km de Porto Alegre)
 
As informações são da assessoria de imprensa do Simental Jaguaretê.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink