Rodrigues pede à UE flexibilidade com o Mercosul
CI
Agronegócio

Rodrigues pede à UE flexibilidade com o Mercosul

Por:

"Os países ricos podem pagar para não produzir, enquanto os pobres têm de produzir para pagar", comentou o ministro da Agricultura do Brasil, Roberto Rodrigues, no encontro em Paris com seu colega francês Hervê Gaymard. Rodrigues, acompanhado do novo embaixador do Brasil na França, Sérgio Amaral, defendeu uma maior flexibilização do comércio agrícola da União Européia com o Mercosul e explicou que o problema da globalização no setor agrícola "é o da concentração da riqueza de um lado e o da exclusão social do outro". Para ele, "essa evolução e essas diferenças chegam a constituir uma ameaça à democracia".

Hoje, na sede da OCDE, o discurso do ministro seguirá a mesma linha. Ele participa do Forum Global do Comércio, aberto ontem, que trata do comércio agrícola e no qual o Brasil é observador.

A conversa com o ministro francês, defensor dos subsídios agrícolas, não deixou o brasileiro confiante em relação ao encontro de Cancún, no México, em setembro. Gaymard reafirmou as posições francesas e deu a impressão de que vai manter as posições protecionistas na reunião de Luxemburgo, dia 11 de junho, quando a União Européia deverá definir-se sobre a reforma da Política Agrícola Comum (PAC). Pelo plano da Comissão Européia, as mudanças deverão ocorrer a partir de 2004, mas a França insiste em que seja depois de 2006, o que poderá prejudicar a reunião do México.

Outro encontro importante de Rodrigues foi com o presidente do Crédit Agricole, René Carron. O banco é especializado em créditos cooperativos e pode se associar a bancos brasileiros com experiência no setor. O Crédit Agricole poderia repassar recursos para o Brasil financiar pequenos agricultores, uma de suas especialidades na França. E poderia financiar grupos franceses interessados em investir no setor agrícola brasileiro.

Segundo o ministro, técnicos serão enviados à França e depois o próprio Carron poderá visitar o Brasil.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.