RS estabelece plano contra gafanhotos
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,666 (-0,38%)
| Dólar (compra) R$ 5,51 (0,70%)

Imagem: Pixabay

MEDIDAS

RS estabelece plano contra gafanhotos

Medidas estipulam meios de controle dos insetos caso entrem no Estado
Por: -Eliza Maliszewski
410 acessos

A Argentina já eliminou 80% da nuvem de gafanhotos que está sobre o país e planeja novas aplicações na província de Entre Rios. Aliado a isso as temperaturas mais amenas que estão de volta ao Rio Grande do Sul desde sábado não favorecem a migração dos insetos. Como forma de prevenção o Estado gaúcho editou uma Instrução Normativa que estabelece um plano de emergência em caso de entrada da praga.

A IN Nº 17/2020, da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) dispõe sobre as medidas de defesa sanitária vegetal relativas à supressão e ao controle de surtos do gafanhoto migratório sul-americano.

Considerando os possíveis danos às culturas agrícolas foi instituído um Comitê de Emergência Fitossanitária além de determinar uma Rede de Vigilância para Notificação de Surtos de Schistocerca cancellata , composta pelas Inspetorias de Defesa Agropecuária (IDA) da SEAPDR, Escritórios de Defesa Agropecuária (EDA) da SEAPDR e Escritórios Municipais da Emater no Estado. A notificação é obrigatória e pode ser feita por produtores rurais, trabalhadores da agricultura e residentes dos municípios.

Caso comprovado um surto poderão ser feitas aplicações aéreas e terrestres de agrotóxicos autorizadas de acordo com a legislação.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink